Meus Sermões
TÃO GRANDE SALVAÇÃO
Hebreus 2.3

“Como escaparemos, se negligenciarmos tão grande salvação?” – NVI

Introdução
Vamos orar:
Senhor, nosso Deus e Pai, nós estamos em Sua presença. Oh! Deus, em nome de Jesus, declaramos dependência do Senhor... nós precisamos da intervenção do Senhor na nossa vida. E agora, Senhor Deus, eu também peço que o Senhor fale conosco... o Senhor já tem falado através das canções... o Senhor já tem nos falado através de cada parte deste culto. Mas agora, oh! Deus, fala através da Sua Palavra que é viva e eficaz. Não deixe que ninguém saia daqui sem ouvir a Sua voz! Faz isso, Senhor. Eu preciso do Senhor. Nós todos precisamos do Senhor. E é fato também, se o Senhor não estender as Suas mãos sobre nós, não vai adiantar nada do que foi feito aqui, Senhor. Então, por favor, oh Deus, intervenha... faz aquilo que somente o Senhor pode fazer e nos abençoe, em nome de Jesus. Amém.

Observe que este verso da Bíblia é uma pergunta. Vamos meditar nesta pergunta, que é feita para mim e para você nesta noite.

A pergunta é: Como escaparemos nós se deixarmos de lado, se não observarmos atentamente, se negligenciarmos, tão grande salvação? Como que vamos fazer? ...como escaparemos?

Eu estava refletindo nesta pergunta, e comecei a ficar impressionado com este adjetivo que aparece aqui: “grande salvação” ...fiquei pensando: Por que não é “mera salvação”?

Quais as razões que justificam esse adjetivo aqui: “grande, grande salvação”? ...por que não é a “mera salvação”? ...por que não é a “salvação qualquer”?

Então, me lembrei novamente daquele versículo que é a Bíblia em miniatura, o evangelho de João 3.16... muitos falam que é o coração da Bíblia...

Você sabe o que está escrito em João 3.16? ...eu fiquei emocionado duas semanas atrás, porque no encontro de discipulado que eu tenho com o Bruno, ele falou assim: “Pastor, eu guardei esse versículo... o pastor ministrou sobre esse versículo e eu já sei sobre ele!”

Você também sabe? ...então vamos declará-lo juntos: (...).

Pensando na pergunta: “Como escaparemos nós se deixarmos de lado tão grande salvação?” ...e pensando nas razões que justificam o uso desse adjetivo aqui, eu me lembrei de João 3.16.

Então, em João 3.16, eu encontrei algumas razões que justificam, plenamente, porque o escritor da Carta aos Hebreus, usou esse adjetivo “grande, grande salvação”.

Deus está aqui e Ele quer tocar na sua vida. Amém? ...algo bom, maravilhoso, vai acontecer aqui hoje a noite, em nome de Jesus. Abra o seu coração... deixa Deus falar com você. Ele está aqui! Aleluia! Você crê nisso? ...então dê um aplauso forte ao Senhor.

Mas, quais são as razões para esta parte da Bíblia dizer “grande, grande salvação”? São oito e você vai memorizá-las comigo, está bem?

...razão número um:
1. ESTA SALVAÇÃO É GRANDE PELA SUA PROCEDÊNCIA
Diz o texto: “Porque Deus amou”. Veja bem: “Deus amou”... é assim que começa o versículo de João 3.16.

Isto significa que a nossa salvação, a nossa salvação do pecado e das conseqüências do pecado... a nossa salvação, teve inicio no coração de Deus. Deus tomou a iniciativa.

Diz o salmista que a salvação vem do Senhor, por isso não é uma salvação qualquer... essa salvação procede de Deus, ela vem de Deus... e, por isso, não é uma mera salvação.

Então, diga depois de mim: a salvação que vem de Deus é grande, grande pela sua procedência.

A salvação dos nossos pecados... a salvação da nossa alma da morte e do inferno, vem do Senhor, procede do coração de Deus, de um coração cheio de amor... foi Deus quem tomou a iniciativa de nos amar, por isso que não é uma mera salvação.

Deus nos amou quando nós éramos nada amáveis... porque amar os amáveis é fácil, não é verdade? ...amar os interessantes, os perfumadinhos, os que andam bem arrumados, é fácil... mas Deus nos amou quando nós éramos nada amáveis.

Quando nós éramos pecadores, vivendo à revelia da nossa própria vontade, Deus tomou a iniciativa e Ele nos amou. “Deus amou”, diz a Bíblia!

Onde nós estaríamos se não fosse o amor do Senhor? ...ah! se não fosse o amor do nosso Deus, onde nós estaríamos?

Pois, tenha isto em sua mente: a iniciativa foi de Deus... por isso a Ele seja dada toda a honra, toda a glória. Amém?

Portanto, a salvação é grande por causa da sua procedência: “Deus amou”!

Não é uma salvação qualquer, não é uma mera salvação. É uma salvação enorme, é uma salvação maravilhosa, tremenda, porque procede de Deus. Ele tomou a iniciativa. Ele nos amou primeiro! Aleluia! ...aplauda ao Senhor!

...mas o versículo de João 3.16 continua dizendo: “Porque Deus amou o mundo”.

2. ESTA SALVAÇÃO É GRANDE PELA SUA AMPLITUDE
Diga depois de mim: Grande pela sua amplitude.

Deus não amou apenas um grupo de pessoas... o amor de Deus se estende tanto em largura, que alcança todo aquele que crê sinceramente.

Por isso, você nesta noite, pode se sentir amado, pode se sentir querido, abraçado por Deus... Ele está aqui!

“Deus amou o mundo”... esse mundo inclui você... não se sinta por fora.

Muita gente, às vezes vem, e quando nos vê cantando para o Senhor, adorando com as mãos levantadas ou com o corpo prostrado, fala assim: “Ah! se eu soubesse desse negócio que eu não participo, que eu não faço, eu fico assim meio por fora e coisa e tal... eu não sou dessa igreja, eu sou visitante...”.

Não, não é para você se sentir excluído... é para você se sentir abraçado – a Igreja do Senhor Jesus é a igreja do abraço, porque Deus amou o mundo e isto inclui você. Aleluia! Glória a Jesus!

Sinta-se amado, sinta-se querido por Deus... Deus te ama e tem um plano maravilhoso para a sua vida... “porque Deus amou o mundo”. E isto inclui você!

A salvação que vem de Deus é grande pela sua amplitude.

Não é uma salvação restrita somente para alguns... não, o convite é aberto a todos!

Está escrito na Bíblia: “Venham a mim, todos os que estão cansados e sobrecarregados, e eu lhes darei descanso. Tomem sobre vocês o meu jugo e aprendam de mim, pois sou manso e humilde de coração, e vocês encontrarão descanso para as suas almas. Pois o meu jugo é suave e o meu fardo é leve” (Mt 11.28-30).

Então lembre-se disto: “porque Deus amou o mundo”, não se sinta excluído, não se sinta por fora... sinta-se amado, querido por Deus... Deus te ama... Deus te ama... esta é a boa notícia!

...terceiro:
3. ESTA SALVAÇÃO É GRANDE PELA SUA INTENSIDADE
“Porque Deus amou o mundo de tal maneira...” “de tal maneira”... grande pela sua intensidade.

Sabe por que essa salvação não é uma salvação qualquer? ...é porque Deus nos amou intensamente, profundamente, de todo o coração. Grande pela intensidade... Deus nos amou por inteiro, intensamente.

Deus não nos amou assim até a noite de Natal, em que Cristo nasceu, não... Deus nos amou até a cruz... Ele nos amou de todo o coração, até o fim, até os limites mais extremos.

Hoje pela manhã, enquanto me preparava para o culto, eu assistia pela TV, a Rede Super, a cena de Jesus em oração agonizante no Jardim Getsêmane... eu fui tocado pela cena em que, do rosto de Jesus, escorria gotas de sangue, que pingavam no chão.

Por isso, não é uma mera salvação ou uma salvação qualquer... ela é grande pela sua intensidade. Foi de “tal maneira” que Deus amou você, “de tal maneira...”.

Vamos relembrar, gente?
“Porque Deus amou”: grande pela sua procedência.
“ao mundo”: grande pela sua amplitude....
“de tal maneira”: grande pela sua? ...intensidade.

...e o versículo continua dizendo: “que deu o seu Filho unigênito”.

4. ESTA SALVAÇÃO É GRANDE PELO SEU PREÇO
Sabe por que essa salvação não é uma salvação qualquer, uma mera salvação? ...é porque custou muito, custou o sangue de Jesus derramado na cruz do Calvário.

E a Bíblia diz, lemos em 1Pe 1.18: “Pois vocês sabem que não foi por meio de coisas perecíveis como prata ou ouro que vocês foram redimidos da sua maneira vazia de viver(...), mas pelo precioso sangue de Cristo, como de um cordeiro sem mancha e sem defeito”.

Por isso não é uma mera salvação... é uma tremenda salvação, é uma ma-ra-vi-lho-sa salvação!

Reconheça isso: Custou muito para Deus entregar o Seu Filho unigênito para morrer naquela cruz... custou muito.

Não fomos comprados por prata ou por ouro, não! ...mas, pelo preciosíssimo sangue do Filho unigênito de Deus derramado na cruz do Calvário. Grande pelo seu preço.

Não trate a salvação de Deus como uma coisa qualquer... lembre-se que custou muito para o Senhor, custou muito entregar o Seu Filho. Grande pelo seu preço... “que deu o seu filho unigênito”.

Eu sou pai de dois filhos e, com certeza, eu não entregaria nem um nem o outro por ninguém. Mas Deus entregou o Seu Filho unigênito por amor a mim e a você.

Por isso não é uma mera salvação, é uma tremenda salvação, é uma grande salvação! A L E L U I A!!

Mas, o versículo continua dizendo: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito para que todo aquele”.

Ah! Eu gosto dessa parte! Acho essa parte um espetáculo... esse negócio de “todo aquele” é muito lindo... é lindo isso aqui, gente!
 

...sabe por quê?

5. ESTA SALVAÇÃO É GRANDE PELA SUA OPORTUNIDADE
Diga isto: Grande pela sua oportunidade.

Porque eu olho para as pessoas aqui da Bíblia e fico impressionado... gente, eu olho para Pedro.

A Bíblia conta que Jesus mandou preparar uma mesa, uma refeição por ocasião da Páscoa... mas, pensa comigo: pra quem Jesus ofereceu aquela ceia?

Foi pra gente covarde, pra gente que em vez de orar, dormia, enquanto Jesus suava gotas de sangue lá no jardim Getsêmane...

Para aquela ceia, Jesus mandou chamar pessoas como Pedro... descontrolado, homem capaz de negar Jesus três vezes...

Essa ceia, Jesus ofereceu até para alguém que o havia de trair com um beijo... gente violenta, como o Pedrão, por exemplo, inclusive.

Conta o livro de Atos, que o Pedrão, na hora do vamos ver, ele pegou a espada, mirou na testa de um tal de Malco, mas o rapaz tinha uma orelha grande e aí... ou você acha que ele mirou na orelha? ...não, ele mirou na testa... é que o rapaz saiu fora e pegou na orelha...

Gente violenta, covarde, mentirosa, medrosa... que tal, você se identifica com essa turma?

Foi pra gente assim que Jesus ofereceu o pão e o vinho, “para todo aquele”, e esse “todo aquele” inclui você.

Por isso que, tem jeito pra mim, tem jeito pra você, tem jeito pra nós... porque foi para gente, como eu e você, que o Senhor chamou naquele dia para a ceia... foi para gente como eu e você, gente covarde...

Ou não tem gente covarde aqui? Gente medrosa, gente mentirosa? ...será que todo mundo está lindo e maravilhoso? É isso? Não, gente!

Eu sou igualzinho aquela turma também... eu sou covarde, sou medroso, tenho problemas na minha vida.

Ah! Mas, quando eu olho pra isso... quando eu olho para Jesus chamando os Seus discípulos, eu penso: “Ah! teve jeito pro Pedrão, tem jeito pra mim também... tô na fila, tô dentro!”

“Para todo aquele” – esse “todo aquele”, inclui você!

Então, mais uma vez eu digo: não se sinta por fora... se sinta abraçado. Aleluia. Glória a Jesus!

Estou pensando no evangelho... estou pensando: Deus não me exclui... Ele não desiste de mim... isso é maravilhoso – “para que todo aquele” – esse “todo aquele” inclui a mim e a você. Gloria a Jesus? Aleluia! Isso não é bom?

Por isso, ninguém deve se sentir por fora hoje aqui... gente, não é uma mera salvação, é uma maravilhosa salvação! É uma grande salvação! Grande pela sua oportunidade! ...dê um aplauso ao Senhor!

A oportunidade é oferecida hoje, (aleluia) “para todo aquele” – todo aquele que entrou aqui nesta noite... do menor até o maior, do mais novo até ao mais velho.

E aí, quando eu penso nessa expressão de João 3.16, “todo aquele”, eu me lembro do ladrão que foi crucificado ao lado de Jesus.

Você já reparou que a gente só fala do segundo ladrão? ...mas tinha o primeiro também, que também orou. Você lembra dele?

Os dois fizeram oração, mas Jesus respondeu um e não respondeu o outro. Por quê?

O primeiro falou assim: “Se o senhor é o Cristo, desce da cruz aí, salva-te a ti mesmo e a nós também”.

É uma oração impossível de ser respondida e que muita gente está fazendo hoje... Mas, não tem jeito não, essa oração Deus não ouve. Sabe por que?

O que é que o ladrão queria ali na cruz? Ele queria Salvador, mas não queria Senhor... porque se Jesus descesse da cruz, Ele não teria sido Senhor.

E, não tem muita gente hoje no Brasil, que está querendo somente Jesus como Salvador, e não como Senhor? Não é verdade isso?

Estão fazendo a mesma oração: “Salvador, sim, claro, claro! ...mas Senhor, não... Senhor dá tanto trabalho, não é gente? ...viver uma vida séria com Deus dá tanto trabalho.. então, num tem jeito de ser só Salvador, não? Hum, só salvação tá bom demais... que mais que eu quero?”

Mas o segundo ladrão lá na cruz, já deu uma repreensão no outro e falou: “Oh rapaz, nós estamos aqui por causa dos nossos próprios pecados, e você não respeita a Deus nem estando assim nos 48 minutos do segundo tempo? ...já quase caindo pra segunda divisão?”

Aí, o segundo ladrão disse assim: “Senhor, lembra-te de mim quando entrares no teu reino”.

E aí Jesus desconsidera todas as decisões erradas daquele homem... o sujeito só decidiu errado na vida, só decidiu errado...tanto assim, que foi parar na cruz!

Aí, ele toma uma última decisão e essa última decisão, (aleluia) anula todas as outras decisões... Vocês já pensaram nisso... isso é evangelho genuíno!

Ele fala assim: “Senhor, eu só tomei decisões erradas na minha vida, mas agora eu tô tomando a decisão certa, lembra de mim lá no teu reino, se ainda for possível, né?” E, Jesus falou assim: “O quê? hoje mesmo... hoje mesmo você vai estar comigo no paraíso”.

Mas isso faz a gente ficar imaginando: “Não, não é possível! ...então, primeiro,deve ter um Paraíso Classe A... esse é para Elias, que não passou pela morte, ou para Enoque... essa turma assim... e, segundo, deve ter o Paraíso Classe B, esse é para nós... e deve ter o Paraíso Classe C, que é para essa turma do último minuto... porque não é possível que o sujeito que errou até o fim da vida, vai estar no mesmo paraíso que Elias, que subiu numa carruagem de fogo!”

Imagina a cena: Elias, no Paraíso, batendo um papo com Enoque, com Moisés, e aí, chega ali aquele que tinha sido ladrão a vida toda, chegando pra participar da rodinha dos santos... Pode um negócio desses?

Pode! ...sabe por quê? ...porque é “para todo aquele”. Aleluia!

Isso inclui até o ladrão nos 48 minutos do segundo tempo, dizendo: “Lembra-te de mim quando entrares no teu reino”. E aí, Jesus falou assim: “Tá certo, essa oração eu respondo, porque um coração contrito e quebrantado não rejeito. Hoje mesmo você vai estar comigo!”

Gente, isto é um espetáculo, isto é grande salvação, isto é maravilhosa salvação... não é uma salvação qualquer! É grande por sua oportunidade!

E olha, aquela mesma oportunidade dada há tantos séculos atrás, é oferecida aqui hoje, porque Jesus está aqui. Aleluia!

Depois da crucificação, Jesus ressuscitou e voltou aos céus, mas Ele mandou o Espírito Santo, que está aqui. Você crê nisso?

Jesus está aqui... portanto, sinta-se abraçado por Ele, querido e amado, porque essa salvação é para “todo aquele”. Oh! Glória a Deus!

...mas, o versículo continua dizendo: “que nele crer...” .

6. ESTA SALVAÇÃO É GRANDE PELA SUA FACILIDADE
Gente, sabe qual é o mal da igreja evangélica hoje, que eu acho? ...é que nós complicamos tudo – anos atrás, tudo era tão simples, mas hoje tudo anda tão complicado: você tem que fazer isso, tem que fazer aquilo, tem que comprar isso e comprar aquilo...

Mas a coisa é tão simples e nós complicamos... perdemos a simplicidade do evangelho.

Mas o evangelho não mudou... a salvação que vem de Deus é grande pela sua facilidade... é para todo o que crê.

Não é para todo o que bebe copo com água depois da oração, nem é para todo o que participa dessa ou daquela sessão ou reunião... não! É para todo o que crê, o que confia, o que entrega e descansa a sua vida nas mãos de Deus.

É isso, gente, é fácil, é simples! ...a salvação oferecida por Deus é grande pela sua facilidade. Amém?

...e o versículo continua dizendo: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu filho unigênito para que todo aquele que nele crer, não pereça...”.

7. ESTA SALVAÇÃO É GRANDE PELO SEU LIVRAMENTO
“não pereça”... grande pelo seu livramento!

Não é uma mera salvação, não... é uma grande, maravilhosa, extraordinária salvação, porque ela nos livra de uma condenação eterna, de um juízo eterno: “não pereça”.

Esta salvação nos livra de uma eternidade longe de Deus, num lugar que não foi preparado nem para mim e nem para você... foi preparado para o diabo e os seus anjos.

Por que sobre nós, a Bíblia revela, que Jesus veio para nos dar vida e vida eterna, vida abundante, vida em termos quantitativos e qualitativos.

“Não pereça”... portanto, esta salvação é grande pelo seu livramento. Glória a Jesus!

Estou com o apóstolo Paulo, que disse: “...sei em quem tenho crido e estou bem certo de que ele é poderoso para guardar o que lhe confiei até aquele dia!” (2Tm 1.12) Aleluia!

Mas, nós temos um acusador, você sabe, não é?

Porém, a Bíblia fala assim: “não há condenação para os que estão em Cristo Jesus” (Rm 8.1) e a Bíblia também recomenda: “Resistam ao Diabo, e ele fugirá de vocês” (Tg 4.7).

E como a gente resiste ao diabo? Vou dar a receita... é simples: o diabo como acusador, ele gosta de falar do nosso passado, não é verdade? “...porque você fez isto, você fez aquilo...”. mas o sangue de Jesus nos purificou... porém, mesmo assim, o diabo gosta de trazer à nossa memória aquilo que está lá no passado e que foi apagado pelo sangue de Jesus.

Então, como a gente faz para resistir ao diabo quando ele vem nos acusar? ...eis a receita: ele fala do nosso passado e a gente fala do futuro dele.

O nosso passado foi apagado pelo sangue de Jesus... e o futuro do diabo é o inferno, o lago de fogo.

Então, na hora que ele começar a te acusar, você fala assim: “Ô chefia, a sua batata tá assando lá... e pra lá eu não vou não, porque eu sou lavado no sangue de Jesus. Aleluia! Eu fui lavado no sangue derramado pelo Filho de Deus na cruz”.

E quando a gente resiste ao diabo, e quando a gente traz a memória dele, o que espera por ele, e pra lá eu tenho certeza que eu não vou... não porque eu sou bonzinho, mas porque o amor de Deus me alcançou (aleluia!!), ele não agüenta... ele sai fora... Então, é assim que a gente resiste.

Como diz o velho hino: “Há poder, sim, força sem igual, só no sangue de Jesus”.

A salvação que vem de Deus é grande pelo seu livramento.

Nós temos certeza que pra lá nós não vamos... todo aquele que um dia entregou sua vida a Jesus, que recebeu Jesus como seu Salvador pessoal e O reconheceu como Senhor, esse aí está como a carta registrada e selada, tem endereço certo, chegará ao céu, viverá para sempre com Deus. Aleluia! ...por que não aplaude o Senhor?

8. ESTA SALVAÇÃO É GRANDE PELA SUA BÊNÇÃO
Finalmente, diz o verso de João 3.16: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito para que todo aquele que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna”.

Eu gosto do “mas”...mas é jóia na língua portuguesa... porque, sempre depois de um “mas” (mas é uma conjunção), aí vem algo, assim, maravilhoso: “Não pereça, mas tenha a vida eterna”.

A salvação que vem de Deus é grande pela sua bênção, porque a salvação que vem do Senhor, não apenas nos livra de uma condenação eterna, mas nos oferece a possibilidade do céu... nos oferece o céu... uma vida que dura para sempre na presença de Deus!

Portanto, lembre-se: a nossa vida não se resume só nessa aqui, porque se resumisse, nós seríamos os mais miseráveis de todos os homens.

O fato então, é que vivemos aqui, mas esperamos o céu, o lugar onde habita a justiça.

Isso é evangelho, gente... é boa notícia para todos nós. Glória a Deus?

Conclusão
Será que você guardou tudo na sua cabeça?

Porque que é “grande salvação”? Por que? ...por que não é uma mera salvação? ...por que uma maravilhosa salvação?

Vamos lembrar das razões de João 3.16:
Porque Deus amou – grande pela sua procedência. Vamos lá: grande pela sua? ...Procedência.
Ao mundo – Grande pela sua? ...amplitude.
De tal maneira – Grande pela sua? ...intensidade.
Que deu seu filho unigênito – Grande pelo seu? ...preço.
Para que todo aquele – Grande pela sua? ...oportunidade.
Que nele crer – Grande pela sua? ...facilidade.
Não pereça – Grande pelo seu? ...livramento.
Mas tenha a vida eterna – Grande pela sua?...bênção.

Então, como escaparemos nós? Como é que nós vamos escapar se nós não prestarmos atenção nessa grande salvação?

Por favor, meu irmão, minha irmã, meu amigo, você que veio aqui hoje: leve isto a sério.

Como escaparemos nós se não prestarmos atenção, nessa grande, nessa maravilhosa, nessa extraordinária salvação? ...não há possibilidade alguma de salvação a não ser se a gente prestar atenção nessa tão grande salvação que vem de Deus. Amém?

Eu quero orar por você... quero pedir a Deus que toque no seu coração, para que esta seja uma noite especial para você. (música)

Eu quero que você preste atenção nesta tão grande salvação, essa maravilhosa salvação, essa extraordinária salvação, que hoje, nesta noite, está sendo oferecida para você.

Eu quero orar por você. Você que ainda não recebeu Jesus no seu coração como seu único Salvador e Senhor.

Eu quero desafiar você a fazer isso, porque não há possibilidade de salvação para você, a não ser se você levar a sério essa tão grande salvação. Leve a sério... eu não posso levar a sério por você, se eu puder, eu faria. Mas nem por meus filhos eu posso. Cada um prestará conta de si mesmo para Deus, não é verdade? Ninguém aqui presta conta de ninguém neste assunto. É você e Deus.

Feche seus olhos. Curve sua cabeça. É você e Deus. Como escaparemos nós se não levarmos a sério, se não levarmos muito a sério, tão grande salvação? Como escaparemos nós se deixarmos de lado, se negligenciarmos, se não levarmos em conta, em consideração, tão grande salvação?

E por que eu peço pra você fechar seus olhos? É pra você olhar para dentro de você mesmo. É você e Deus, Deus e você.

Não é você e sua esposa, esposo... é você e Deus. Não é você e seu amigo... é você e Deus. Eu queria que você levasse a serio essa grande salvação.

Preste atenção neste plano maravilhoso elaborado por Deus: “para que todo aquele”, inclui você.

Eu não poderia terminar, sem dar oportunidade a você, de receber Jesus no seu coração como seu salvador pessoal.

Se você ainda não fez isso, se ainda não convidou Jesus para ser o seu Salvador... se você ainda não tem Jesus por seu Senhor, eu quero desafiar você a fazer isso agora em nome de Jesus.

Quero desafiar você a dizer: “Jesus, entra na minha vida... eu te recebo como meu Salvador pessoal. Eu quero levar a sério essa tão grande salvação. O Senhor me ama e em resposta a esse amor, eu me entrego, eu me rendo, eu Te recebo como meu Salvador e meu Senhor”.

Eu não quero ser insistente neste momento, mas eu quero dar a oportunidade pra você receber Jesus em seu coração, e se esse é o seu desejo, eu quero orar por você.

Só que eu não posso ver o seu coração... quem vê o coração é só Deus. Então, eu preciso que, se você está fazendo essa oração, se está entregando sua vida a Jesus, eu quero que você dê um sinalzinho pra mim, levantando o seu braço... faz isto pra eu para poder orar por você, onde você estiver... levante seu braço, recebendo Jesus em seu coração.

A Bíblia fala que há festa no céu... glória a Deus, glória a Deus... há festa no céu!

O evangelho nunca volta vazio, não é verdade, gente? Isso é evangelho, boa nova, palavra de Deus.

Há festa no céu quando uma pessoa reconhece que Jesus é o Senhor e O recebe como Salvador... há festa no céu!

Senhor Deus e Pai, eu quero te agradecer por essas pessoas, que o Senhor conhece. O Senhor conhece tão bem essas pessoas, Senhor. Ah! Senhor, escreve esses nomes no livro da vida. Senhor, sela com o teu Espírito Santo e faz uma obra maravilhosa como só o Senhor sabe fazer. E nós damos ao Senhor a honra e a glória, porque só o Senhor merece. A grande salvação vem do Senhor, (aleluia!) porque o Senhor nos amou. O Senhor se importou tanto conosco, ó Deus, que mandou seu Filho... glória a teu nome. E as pessoas estão se rendendo a ti, Senhor, e reconhecendo que Jesus é o Senhor e recebendo Jesus na vida. Isso é maravilhoso! Eu sei que há festa no céu, mas há festa aqui também. Nosso coração está feliz, está alegre, ó Deus. Agora, Senhor, ajuda a igreja a ser bênção na vida de cada um aqui. Que eles se sintam amados e queridos, para a glória do teu nome. Nós honramos o teu nome... o Senhor é bom, o Senhor é bom. Aleluia. O Senhor é bom. O Senhor é bom. Aleluia. O Senhor é maravilhoso. Em nome de Jesus amém.

Pr Walter Pacheco da Silveira