Meus Sermões

OS FILHOS DE DEUS SÃO ESTRELAS
Gênesis 15.5

 

"Levando-o para fora da tenda, disse-lhe: "Olhe para o céu e conte as estrelas, se é que pode contá-las". E prosseguiu: "Assim será a sua descendência". (Gênesis 15:5) 

Introdução
No mundo de hoje se fala das estrelas referindo-se a pessoas que alcançaram a fama; nós ouvimos algo assim: "Tem nascido uma estrela! Uma nova estrela está brilhando no firmamento do espetáculo!..." 
Há pessoas que são consideradas estrela do futebol, estrela da música, estrela das telas do cinema e da TV... 

Considera-se estrela todo aquele que se destaca de um modo positivo sobre outros. 

Agora, para Deus, é dito que os descendentes de Abraão são estrelas. Quando Deus chamou Abraão de dentro da tenda para fora, naquela noite no deserto, Ele disse: "Olhe para o céu e conte as estrelas... Assim será a sua descendência". Aleluia!

Abraão teve dois tipos de descendentes: 
a) - Descendentes DE ACORDO COM A CARNE: O povo de Israel. 
b) - Descendentes DE ACORDO COM A FÉ: aqueles que, como você e eu, (se aceitamos a Cristo como Salvador), somos descendentes de Abraão segundo a fé. 
É como aconteceu com aquele homem na Bíblia, chamado Zaqueu. No dia em que Zaqueu creu em Jesus como seu Senhor e Salvador, Jesus disse dele: "Hoje houve salvação nesta casa! Porque este homem também é filho de Abraão" (Lc 19.9).

Você entende isso? ...hoje, se você crer no seu coração, que Jesus Cristo te salva da morte e do inferno, você também se torna filho de Deus, e por assim dizer, descendente de Abraão segundo a fé.

Então, de acordo com a Bíblia, para Deus, se você crê em Jesus, você é uma daquelas estrelas que Deus mostrou a Abraão. Aleluia! 

E é uma estrela para sempre porque a Bíblia diz no livro de Daniel que estas estrelas, estas pessoas que se tornaram Seus filhos - filhos de Deus - resplandecem sempre e eternamente! 
Então diga depois de mim: "Os filhos de Deus são estrelas". [posso ouvir um "amém"?]

AGORA, UMA ESTRELA TEM VÁRIAS CARACTERÍSTICAS:

...a primeira que vejo é que: 
1. Ela está acima, lá no alto
Uma estrela não rasteja. Ela tem a sua habitação nas alturas. 
Pois assim são os filhos de Deus: eles estão sentados em lugares celestiais com Cristo. A Bíblia diz isto em Ef 2.6: "Deus nos ressuscitou com Cristo e com ele nos fez assentar nos lugares celestiais...". 
E desta posição, os filhos de Deus intercedem e governam sobre a terra. Ap 5.17 diz que os filhos de Deus "...reinarão em vida por meio de... Jesus Cristo". Aleluia!

É esta a posição espiritual que ocupam as pessoas que são filhos de Deus! Eles estão acima, eles estão colocados em lugares altos!

Você pensa que tribulação, ou angústia, ou perseguição, ou fome, ou nudez, ou perigo, ou espada pode fazer um filho de Deus cair prostrado, derrotado ao chão? Não pode! Não pode porque filhos de Deus, em todas estas coisas, são mais do que vencedores! 

Eles são como estrelas, estão sempre em cima, sempre na parte alta, e ainda que sejam molestados por aquelas coisas, "...nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os demônios, nem as coisas do presente, nem do futuro, nem quaisquer poderes, nem altura nem profundidade, nem qualquer outra criatura será capaz de separar do amor de Deus aquele que está em Cristo Jesus!" Aleluia!!!

Você não vê um filho de Deus na fossa, na sarjeta, na mendicância...

Deus fez uma promessa dizendo, Dt 28.13: "O SENHOR fará de vocês a cabeça das nações, e não a cauda. Se obedecerem aos mandamentos do SENHOR, o seu Deus... vocês estarão sempre por cima, nunca por baixo".
Os filhos de Deus são estrelas e como tal, estão em cima, são pessoas sempre em lugares altos! Aleluia!

...a segunda característica de uma estrela é que:
2. Ela Brilha na noite
É na escuridão que se salienta a luz das estrelas. Dizem os astrônomos que durante uma noite clara, em lugar livre de poluição, é possível ver, a olho nu (isto é, sem auxílio de aparelho), cerca de 3.000 estrelas! 
Algumas estrelas chegam a ser milhares de vezes mais brilhantes do que o Sol. A estrela mais brilhante, por exemplo, é 62.000 vezes mais luminosa que o Sol. Deus fez as estrelas para que brilhem poderosamente!
Da mesma forma fazem os filhos de Deus!

A Bíblia recomenda aos filhos de Deus, que se tornem puros e irrepreensíveis, inculpáveis no meio de uma geração corrompida e depravada, na qual (disse ele), os filhos de Deus brilham como estrelas no universo (Fp 2.15).

Você vê muitas pessoas abatidas hoje em dia, pessoas cujos sorrisos foram apagados, cujos sentimentos de alegria também foram apagados... pessoas para quem a vida é sombria, é escura... mas observe os filhos de Deus - ainda que eles estejam sendo provados, note o brilho da face deles, o brilho dos olhos deles.

Filhos de Deus são estrelas e brilham nas trevas mais densas!

Amado, brilhar como astros no mundo, brilhar como estrelas, esta é uma característica dos filhos de Deus!

...agora, outra característica das estrelas é que:
3. Quando sai o Sol, elas desaparecem
Você não vê as estrelas ao meio-dia. Pode "ver estrelas" no sentido de desenho animado, como o daquela divertida dupla "Tom e Jerry". 
Já assistiu? Na ânsia do gato apanhar o rato, Tom leva cada surra... em volta da cabeça dele aparecem estrelinhas rodando ao som de um zunido doloroso...

Mas, então, quando sai o sol, você não vê as legítimas estrelas, porque aquela, o sol, é a estrela maior, é a estrela de 5ª grandeza! O seu resplendor supera o brilho de qualquer outra. É aí que ocorre o eclipse, o ocultamento dos astros, ...eles são encobertos pela luz do Sol.

Amado: Diante de Jesus nós, quando somos filhos de Deus, também nos eclipsamos. 
No livro do Apocalipse é dito que, quando foi dada uma visão de como é Jesus Cristo, João descreveu assim: "...sua face era como o sol quando brilha em todo o seu fulgor" (Ap 1.16). Aleluia!!! 

A pessoa quando se torna filho ou filha de Deus, ela ganha consciência do seu devido lugar: ela não tem mais aquele orgulho que leva muitos homens e mulheres a dizer: "Eu sou bom. Eu sou justo; não preciso fazer dessas orações de arrependimento, de confissão de pecados... Eu, quando morrer, mereço o céu! Mereço estar diante de Deus".

Ah! Não é assim o filho de Deus. Embora, diante da escuridão do mundo, os filhos de Deus sejam grandes, sejam poderosos no brilho que possuem, a ponto de fazer fugir as trevas com todos os seus demônios, porém, quando sai o Sol da justiça, porém, quando se colocam diante de Jesus, os filhos de Deus se vêem como pequenos, como servos e não como senhores!

Acontece a eles o mesmo que se passou ao coração de João Batista. 
Em certa ocasião, Jesus declarou que "entre os nascidos de mulher não surgiu ninguém maior do que João Batista" (Mt 11.11)... ele era estrela de Deus! Todavia, quando João ensinava e batizava a muitas pessoas, ele declarou acerca de Jesus Cristo, escute isso: "...que ele cresça e que eu diminua" Jo 3.30).

É esse o sentimento característico das pessoas que se tornaram filhos de Deus. Não existe neles o orgulho, a soberba, nenhum daqueles espíritos que movem os homens a dizer: "Eu, um servo? Você está brincando! Eu, me submeter a jejum, a oração, a ficar em pé nos cultos da igreja para cantar, ou de joelhos no piso frio para orar... me submeter a autoridade de um líder e fazer prestação de conta das minhas tarefas?"

Não... os filhos de Deus são pessoas humildes, libertadas do orgulho, e que se prostram quando se vêem face a face com o seu Senhor... 

No dia em que João teve a visão de Jesus, e O viu tão cheio de glória, tão resplandecente, a Bíblia diz que ele caiu aos seus pés... porque filhos de Deus são como estrelas - na presença de Yeshua Hamaschia, de Jesus Cristo o Rei dos reis, eles se deixam encobrir como fazem as estrelas diante da luz do sol quando se levanta.

...as estrelas também:
4. Elas são de diferentes magnitudes
Há estrelas grandes e estrelas pequenas. 
Um fato curioso é que quando você olha para o céu e vê um pontinho luminoso lá no alto e mais outro, talvez um pouco maior que aquele, do outro lado, a impressão que dá é que aquele pontinho é uma estrela pequena e que essa outra é grande. Todavia, aquele pontinho que você julga ser uma estrela pequena, pode ser, na verdade, uma estrela grande... vai depender da distância em que as estrelas estão da terra.

Amado: No reino de Deus há também grandes e pequenos. 
Jesus estava ensinando sobre o cumprimento da lei (na lei há mandamentos como: Não matarás, não adulterarás, não jurar falsamente e muitos outros); então Jesus disse isso: "Todo aquele que desobedecer a um desses mandamentos, ainda que dos menores, e ensinar os outros a fazerem o mesmo, será chamado menor no Reino dos céus; mas todo aquele que praticar e ensinar estes mandamentos será chamado grande no Reino dos Céus" (Mt 5.19).

Isto significa que, no Reino de Deus, todos nós podemos lutar para sermos grandes, expansivos.

Os filhos de Deus não se conformam com a mediocridade; eles podem crescer e brilhar mais, brilhar como brilha o Senhor Jesus.

Isto, pois, é um desafio para a vida dos filhos de Deus; o desafio é que cresçam, é que alcancem magnitude espiritual. 

Por isso, ouça: os filhos de Deus são pessoas que estão crescendo. Há gente andando para trás, mas não os filhos de Deus!

Amado: Deus tem mais para você! E mesmo quando nos tornamos em estrelas, em filhos de Deus, Deus ainda terá mais para nós.

...a próxima característica das estrelas é que:
5. Elas são distantes, mas se parecem próximas
Até que o telescópio fosse inventado a distância das estrelas não era conhecida. Hoje já se sabe que a estrela mais distante, a que está na Constelação de Cetus, se encontra a fantásticos 11 bilhões de anos-luz da terra. Mas antes se pensava que elas eram de outro mundo, de outro sistema... 
O coração dos filhos de Deus também não é deste mundo, embora estejam neste mundo. Jesus declarou, acerca dos discípulos, em certa ocasião: Jo 15.19: "...vocês não são do mundo...". 

Esta é uma característica impressionante: nós vemos pessoas correndo todas interessadas em acumular suas riquezas, em juntar tudo do bom e do melhor dentro de suas casas, em encher os seus depósitos... vemos pessoas preocupadíssimas com o vestir roupas caras e em ter uma comida fina na mesa... vemos pessoas sedentas por estatus, por poder, por fama...

Os filhos de Deus, porém, são distantes de tudo isso. Embora eles sejam vistos tão próximos, tão pertos de tudo aquilo que interessa a este mundo, o coração deles, todavia, está voltado para cima, está interessado nas coisas que são do alto e não nas que são daqui da terra.

Isto explica porque os filhos de Deus são seguros, esperançosos...

Por isso, que os filhos de Deus podem ser vistos ora tão próximos, ora tão distantes... pois como são estrelas de Deus, o coração deles está no céu, o coração deles busca as coisas do alto. Aleluia!

...a outra característica das estrelas é que:
6. Elas sempre estão lá
Todas as noites as estrelas aparecem. As nuvens podem tapá-las, o tempo nebuloso e com jeito de chuva pode cobri-las, mas elas estão lá! 
Ouça: Sempre vai haver filhos de Deus. Se você imagina que a morte vai por fim a um filho de Deus, esse é um engano seu. Jo 5.24: "Eu lhes asseguro: Quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna e não será condenado, mas já passou da morte para a vida". Jô 11.25: "Disse-lhe Jesus: "Eu sou a ressurreição e a vida. Aquele que crê em mim, ainda que morra, viverá". 1 Jo 3.14: "Sabemos que já passamos da morte para a vida...". 

O Reino de Deus é eterno, e os seus servos estarão eternamente com Ele. Mt 28.20: "ensinando-os a obedecer a tudo o que eu lhes ordenei. E eu estarei sempre com vocês, até o fim dos tempos". Jô 14.2: "Na casa de meu Pai há muitos aposentos; se não fosse assim, eu lhes teria dito. "Vou preparar-lhes lugar".

Os filhos de Deus são pessoas que sempre vão existir!

...há uma última característica que quero descrever sobre as estrelas; é que:
7. Elas são quentes
Eu li que as estrelas são quentes. As estrelas de coloração vermelha possuem uma temperatura em torno de 2.500 a 3.000 graus! Depois vem as amarelas e as de cor laranja... Mas as de cor azul, podem ter temperatura de até 50 mil graus. Elas são quentes!

Os filhos de Deus também são pessoas efusivas, quentes. Aquele seriado "Temperatura Máxima" devia ser inspirado na vida dos filhos de Deus. 

Os filhos de Deus não são pessoas frias, desanimadas... enquanto todo mundo anda dizendo: "a coisa está mal, tudo está indo de mal à pior..." os filhos de Deus estão a dizer: "vai dar tudo certo; nós oramos, Deus vai mover o seu braço e dará vitória!" Aleluia!

Os filhos de Deus falam como está no Sl 20: "Uns confiam em carros, e outros, em cavalos, mas nós faremos menção do nome do SENHOR, nosso Deus. Uns encurvam-se e caem, mas nós nos levantamos e estamos de pé".

Aleluia! Meu amado, eu quero dizer pra você que o entusiasmo faz parte da vida dos que são filhos de Deus - porque filhos de Deus são como estrelas, eles são quentes, tem o calor do fogo do Espírito Santo neles! Oh! Glória!

CONCLUSÃO: 
Os filhos de Deus são estrelas - quando você se torna um filho de Deus, você também passa a ser uma estrela, e sendo estrela, um filho de Deus...
Você estará colocado em lugares altos;
Você vai brilhar nas trevas, mesmo nos momentos mais sombrios;
Você será grande diante da escuridão do mundo, porém, diante de Jesus você se verá pequeno, como servo e não senhor;
Você poderá alcançar grande magnitude espiritual;
Você está no mundo, mas não é do mundo;
Você sempre existirá, ainda que morra, viverá;
E você será quente; haverá calor da presença de Deus na sua vida!

E em virtude de tudo isso, lemos na Bíblia, que quando Jesus Cristo nasceu, uma estrela foi vista nos céus do Oriente, pelo que os reis magos disseram: "Vimos a sua estrela e viemos adorá-lo" (Mt 2:2).
O sentido espiritual disso é que quando as pessoas virem você, como autêntico filho de Deus, elas também desejarão vir adorar a Cristo. 

Os filhos de Deus são estrelas e podem atrair novos adoradores para Deus. 

Portanto, se você é filho de Deus, você é uma estrela! Então brilhe com intensidade para a glória de Deus! Amém.

Ministração
Eu estou sentindo a direção, do Espírito Santo, para ministrar a bênção de Deus sobre dois tipos de pessoas esta noite. 

Primeiro, para aqueles que hoje estão dizendo: "Eu quero ser uma estrela de Deus; eu também quero ser descendente de Abraão segundo a fé; eu quero receber Jesus, pela fé, em meu coração agora".

Segundo, para que aqueles que já têm Jesus Cristo como Senhor e Salvador, que já se tornaram, de acordo com a Bíblia, descendentes de Abraão segundo a fé e que já são estrelas de Deus, mas que, hoje, todavia, estão se sentindo incomodados pelo Espírito Santo e dizem: "Que luz fraquinha tem sido a minha como estrela!"

Se você se encaixa no primeiro caso ou no segundo, deixe seu lugar e venha receber oração de benção sobre sua vida...........

Pr Walter Pacheco da Silveira