Meus Sermões

JOÃO CHINÊS

Atos 4.12

 

Introdução
Já ouviu falar do João chinês?

João Chinês estava ao lado de uma pessoa que não admitia a existência de Deus, de uma pessoa que desprezava Deus... essa pessoa disse: “João Chinês, qual será a primeira coisa que você vai fazer ao chegar no Céu?”

Ele respondeu: “A primeira coisa que viu fazer ao chegar no céu será percorrer aquelas ruas de ouro até encontrar o Salvador; então, vou me prostrar diante Ele e adorá-lO por ter salvo a minha vida!”

“Otimo!” zombou o ateu. – “E o que você vai fazer em seguida, João Chinês?” ...e ele respondeu: “Bem, em seguida vou percorrer as ruas do Céu até encontrar o missionário que veio ao meu país ensinando o Evangelho. Vou tomar sua mão e agradecer pelo trabalho que fez pela minha salvação!”.

“E depois?” – tornou a perguntar aquela pessoa que fazia pouco caso de Deus. E João Chinês respondeu: “Depois, vou percorrer as ruas do Céu para encontrar o homem que deu o dinheiro para possibilitar ao missionário vir até à China, meu país, e também vou tomar a sua mão e agradecer pelo papel que desempenhou na minha salvação!” Diante dessas palavras, então, aquela pessoa deu meia-volta e foi embora...

Será que haverá algum João Chinês, de qualquer parte deste mundo tão imenso, que virá para agradecer você por tê-lo ajudado chegar no Céu?

Ou você estará sozinho no Céu? Será que ninguém vai lhe reconhecer, exceto alguns parentes e amigos?

Imagine a grande alegria que haverá no seu coração, quando lá no Céu, multidões de pessoas negras, amarelas, brancas, fizerem você parar para lhe dizer: “Hei, hei! Nós estamos aqui no Céu porque você nos ajudou! ...você desafiou os jovens a irem pregar o Evangelho para nós... você ofertou para a obra missionária... você mesmo veio até a nossa terra, deixando o seu lugar e vindo falar de Jesus Cristo para nós...???”

Essa será uma das maiores alegrias a ser experimentada no Céu.

Será essa, igualmente, a sua alegria?

Algum parente chegará a você para agradecer o que você fez? Haverá algum vizinho... Algum colega de escola ou do trabalho... Haverá alguém, de qualquer parte do mundo, que reconhecerá você e apertará a sua mão, dizendo: “Obrigado, você ajudou na minha salvação?”

Somente haverá, amado, se você tiver feito, de algum modo, a obra missionária.

Só haverá um João Chinês, procurando por você no Céu, se você tiver investido em falar de Jesus pra ele.

Quantos aqui, querem hoje, diante de Deus, assumir o compromisso de falar do Evangelho de Jesus, falando às pessoas a respeito do amor de Deus que, vendo pecadores na terra, disse ao Filho: “Veja: Todos esses homens e mulheres, Eu os criei para o louvor da minha glória, para serem meus adoradores, meu povo... porém, o diabo quer vingar a expulsão do céu, destruindo a cada um deles! Ah! Meu Filho, vá lá, mostre ao mundo como Eu os amo e os quero comigo.”

O Filho, Jesus Cristo – o Senhor – concordou com o Pai. Veio ao mundo e disse: “Eu sou o Bom Pastor. O Bom Pastor dá sua vida pelas ovelhas”. Então, num dia de sexta-feira, por volta do meio-dia, uma escuridão jamais vista caiu sobre a terra inteira durante três horas, até ás 3 da tarde. A luz do sol desapareceu... Jesus havia morrido na cruz.

Por qual motivo? Jesus mesmo declarou: “Eu sou Yeshua Hamaschia, o Filho do Homem, que não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida a fim de salvar muitas”.

Essa é a mensagem do Evangelho: “E não há salvação em nenhum outro; porque abaixo do céu não existe nenhum outro nome, dado entre os homens, pelo qual importa que sejamos salvos” (At 4.12). SÓ JESUS CRISTO SALVA!

Conclusão
Você vai dizer isto para algum João Chinês, para algum João Americano, Africano? Para algum João Carioca, para algum João Fidelense*?

Alguém aqui ainda não recebeu Jesus Cristo como seu Salvador e entendeu esta noite, que somente por Jesus é que entramos no céu, somos salvos?

Pr. Walter Pacheco da Silveira

*João Fidelense, referindo-se ao morador da cidade de São Fidélis, RJ.