Meus Sermões

ISSO LEVA TEMPO!

Filipenses 1.6

 

Pois eu estou certo de que Deus, que começou esse bom trabalho na vida de vocês, vai continuá-lo até que ele esteja completo no Dia de Cristo Jesus.

 

Introdução

Recentemente as crianças apresentaram aquele musical “Amigos de Deus”. A música tema tem esse refrão: “Eu quero ser amigo, amigo de Deus”.

Mas você sabia que isso leva tempo?

 

Tornar-se amigo de Deus é um processo. Não existe atalho. Somente por meio de um processo é que se chega a ser amigo de Deus.

 

Para uma pessoa chegar à idade adulta, é preciso vários anos… para que um fruto, a manga por exemplo, cresça e amadureça, é preciso toda uma estação… leva tempo! O crescimento espiritual, assim como o físico, também requer tempo.

Quando você tenta amadurecer rapidamente um fruto, ele perde o gosto. É como a banana de supermercado. Bananas normalmente são colhidas antes do amadurecimento, isso permite que sejam transportadas para longe. Aí, quando chegam ainda verdes, são vaporizados com o gas Azetil, que é uma mistura de etileno e nitrogênio, isso faz com que a banana fique com aparência de madura instantaneamente.

 

Bananas vaporizadas são comestíveis, mas tem uma coisa: não dá para comparar o sabor de uma banana dessa com a banana daquele cacho que foi deixado para amadurecer naturalmente.

 

No livro 49 Dias de Encontros Com o Pai estamos aprendendo algo importante: que ganhar intimidade com Deus ou uma maturidade semelhante a Jesus, é um processo!

Talvez você se preocupe em crescer rapidamente, mas Deus está interessado em que você cresça forte.

 

E como crescer naturalmente e alcançar a altura espiritual de Cristo (Ef 4.13)? Porque a Bíblia diz: “Desse modo todos nós chegaremos a ser um na nossa fé e no nosso conhecimento do Filho de Deus. E assim seremos pessoas maduras e alcançaremos a altura espiritual de Cristo”.

Ficar parecido com Jesus é a sua meta – é a meta de todo crente… mas essa empreitada requer toda uma vida….

 

Envolve relacionamentos para cima, para dentro e para fora! Ou seja, envolve honrar a Deus, amar as pessoas e cultivar santidade.

 

O fato é que Deus quer que todos os dias você se torne mais parecido com ele.

Hoje nós gostamos muito de rapidez, mas Deus se interessa mais por força do que por velocidade.

 

Talvez você queira um jeitinho, um atalho, uma solução imediata... um sermão ou um conselho que resolva instantaneamente todos os seus problemas. Mas a verdadeira maturidade, a amizade íntima com Deus, não chega só com uma experiência, por mais que seja poderosa ou emocionante.

 

Tornar-se amigo de Deus leva tempo.

 

Por que leva tempo?

Se Deus quisesse nos transformar instantaneamente, Ele faria isso! Mas Deus escolheu nos amadurecer naturalmente.

Por que leva tempo para mudar e crescer? Existem vári­as razões.

 

…a primeira é que:

Aprendemos lentamente.

É bastante comum que uma lição seja explicada várias vezes até que seja realmente aprendida.

Lá em casa, agora a Ana Beatriz se despertou para andar de bicicleta… mas primeiro ela tem que aprender… agora que se despertou, então vai aprender… e eu e a mãe dela estamos lá, explicando várias vezes a mesma coisa: onde segura, olha pra frente… e se desequilibra daqui, e cai dali e tromba… mas é assim: o proble­ma precisa se repetir periodicamente, afim de aprendermos.

 

Normalmente a gente diz: “Ah! Não, de novo, não!”, mas Deus sabe o de que precisamos.

 

A história do povo de Israel no passado, mostra como as lições que Deus ensina são rapidamente esquecidas – Deus ensinava e o povo voltava aos velhos hábitos.

Somos assim. Aprendemos devagar. Então os problemas se repetem porque precisamos aprender.

 

… a segunda razão porque ficar parecido com Jesus leva tempo, é que:

Temos muito a desaprender.

Muitas pessoas procuram um conselheiro porque estão com um problema pessoal ou re­lacional que levou um tempo crescendo na vida delas.

Essas pessoas dizem ao conselheiro: “Preciso que você dê um jeito em mim. E eu só tenho uma hora”. Elas esperam uma solução rápida pra um problema que foi crescendo.

 

Mas a maioria dos nossos problemas não surgiram da noite para o dia, então não tem cabimento esperar que desapareçam imediatamente.

 

É necessário um trabalho duro de eliminação e substitui­ção de hábitos. A Bíblia chama isso despir-se do velho homem e revestir-se do novo homem.

Está escrito em Cl 3.7-10: “Antigamente a vida de vocês era dominada por esses desejos, e vocês viviam de acordo com eles. 8Mas agora livrem-se de tudo isto: da raiva, da paixão e dos sentimentos de ódio. E que não saia da boca de vocês nenhum insulto e nenhuma conversa indecente. 9Não mintam uns para os outros, pois vocês já deixaram de lado a natureza velha com os seus costumes 10e se vestiram com uma nova natureza. Essa natureza é a nova pessoa que Deus, o seu criador, está sempre renovando para que ela se torne parecida com ele, a fim de fazer com que vocês o conheçam completamente”.

 

De acordo com a Bíblia temos muitas coisas a desaprender… são velhos hábi­tos, padrões e práticas que precisam ser eliminados e substituídos.

 

…uma terceira razão porque amadurecer leva tempo é que:

Temos medo de humildemente encarar a verdade sobre nós.

A verdade liberta, mas com freqüência o medo de encarar honestamente os defeitos do nosso coráter nos prende.

Mas é preciso que a luz de Deus brilhe sobre nossas faltas e fra­cassos, caso contrário eles nunca serão superados. É por isso que não podemos crescer sem uma postura de humildade diante dos ensinamentos de Deus.

 

…e a quarta razão porque leva tempo para crescer e mudar, é que:

Novos hábitos levam tempo para se desenvolver.

O seu caráter é a soma total dos seus hábitos. Você não pode dizer que é gentil, a menos que você seja habitualmente gentil… você não pode afirmar que é integro, a menos que tenha o hábito de ser honesto. Os hábitos definem o caráter.

Portanto, só há uma maneira de desenvolver os hábitos do caráter seme­lhante ao de Jesus: é praticá-los… e isso leva tempo!

 

Não existem hábi­tos instantâneos. Paulo exortou Timóteo: Pratique essas coisas. De­dique sua vida a elas, para que todos possam ver seu progresso.7

 

Com tempo de prática, você fica bom em qualquer coisa!

 

…eis o que você deve fazer, durante o processo de tornar-se amigo de Deus:

Creia que Deus está operando em sua vida, mesmo quando você não sente nada.

Conte com um progresso passo a passo… com uma melhora gradual.

A Bíblia diz em Ec 3.1: “Tudo neste mundo tem o seu tempo; cada coisa tem a sua ocasião”… tudo na terra tem o seu próprio tempo e a sua estação.

Na vida espiritual também tem estações: Às vezes você terá uma curta e intensa explosão de crescimento (é a esta­ção da primavera), depois vem um período de estabilidade e prova­ções (é o outono e o inverno).

 

Você pode orar por um milagre. Eles acontecem! Mas não fique decepcionado se a resposta vier por meio de uma mudança gradual… é com o tempo que um pequeno broto se transforma numa árvore gigante.

 

…outra coisa que você deve fazer:

Seja paciente com Deus e consigo mesmo.

Uma das frustra­ções da vida é que o ritmo de Deus raramente é igual ao nos­so. O nosso é quase sempre apressado, o de Deus não.

Talvez você se sinta frus­trado com o progresso aparentemente len­to que está fazendo na vida, mas não se esque­ça de um fato: Deus não se atrasa.

 

Deus levou oi­tenta anos tratando Moisés… foram quarenta anos no deserto... 14.600 dias! …por fim, ...o Senhor falava com Moisés “face a face, como quem fala com seu amigo”. Valeu a pena!

 

Alguém observou que quando Deus quer fazer um cogumelo, Ele o faz da noite para o dia; mas quando quer fazer um carvalho gigante, leva cem anos.

 

Tenha paciência com o pro­cesso. Tiago aconselhou (1.4): “Tenha, porém, a paciência a sua obra perfeita, para que sejais perfeitos e completos, sem faltar em coisa alguma.”

 

…por último:

Não desanime.

Quando Habacuque ficou deprimido por achar que Deus não estava agindo rápido o suficiente, Deus disse pra ele (Hc 2.3): “Ainda não chegou o tempo certo para que a visão se cumpra; porém ela se cumprirá sem falta. O tempo certo vai chegar logo; portanto, espere, ainda que pareça demorar, pois a visão virá no momento exato.”

Por isso, não desanime… Lembre-se de quanto você já passou, e não de quanto terá de pas­sar…

 

Você não está onde quer, mas também não está onde costumava estar. Não desanime.

 

Conclusão

Não existe atalho para che­gar à ser amigo íntimo de Deus, à maturidade espiritual.

Mas Deus começou a fazer uma boa obra em você, e Ele vai continuar até que concluir.

 

Você só precisa permanecer nEle.

 

Em qual área da sua vida, você precisa ser mais paciente e persistente, permanecendo no Senhor?

 

 

 

Walter Pacheco, 15/11/2009