Ilustrações Ilustrações F

Fuga

 

Um membro de igreja decidiu certa vez deixar de ir aos cultos. Ele avisou ao pastor que ia provar que poderia viver sem uma vinculação à vida eclesiástica. No primeiro domingo, ele leu a Bíblia, cantou um hino e orou. No segundo domingo, ele leu a Bíblia e cantou. No terceiro domingo, cantou. No quarto domingo, não fez nada. No quinto, saiu a passear no horário do culto. E assim, em pouco tempo estava afastado da igreja e de Cristo. A igreja é fundamental! 

 

É como na história dos "Três Porquinhos": ficam o tempo todo cantando "Quem tem medo do lobo mau, do lobo mau, do lobo mau!" ...mas quando dão de cara com ele, correm apressados.

 

Ouvi a seguinte história. Um grupo de crentes foi acampar e pescar, e levaram uma cozinheira, a cozinheira mais feia que encontraram, a Maria, exatamente para não serem tentados. Iam ficar três semanas pescando, no mato mesmo. Ao final da primeira semana, um jovem procurou o líder e disse: "Chega de pescar, vamos embora porque a Maria está começando a ficar bonita!" Não sei se é verdadeira a história, mas tem uma lição preciosa. É preciso fugir do mal.

 

Acho que Pilatos lava as mãos até hoje... elas nunca se tornarão limpas!

 

O homem leva o filho ao zoológico. Ao passarem em frente à jaula do leão, eles vêem uma placa que diz: "Cuidado! Leão perigoso!". Em frente à jaula do tigre. encontram outra placa: "Cuidado! Tigre Perigoso!". Passeando um pouco mais, encontram uma placa em frente a uma jaula vazia, dizendo: "Cuidado! Tinta fresca!" Assustado, o pai pegou o filho pelo braço e saiu correndo, gritando: "Socorro! Socorro! O tinta fresca fugiu!"

 

Parte do trabalho de Cassie Galindo no escritório da promotoria é mandar cartas aos acusados de crimes, informando quando será a audiência. Uma dessas notificações voltou com a seguinte frase no envelope: “Eu não moro mais aqui”.

 

"Não basta fugir, é preciso fazê-lo na direção certa." Charles Fedinand Ramuz. 12/1/07

 

Se você quer fugir de Deus, o diabo lhe emprestará tanto as esporas como o cavalo. (Thomas Adams). 13/2/07

 

Dois irmãos e o pastor de uma igreja evangélica saem para almoçar e na rua encontram um profeta de Deus. O profeta ao vê-los diz: “Eu posso conceder três desejos, concederei um a cada um de vocês“. “Eu primeiro, eu primeiro !“- grita um dos irmãos. “Eu quero estar bem longe deste bairro e desta igreja, tipo... lá no Canadá!“ Puf! e ele se foi. O outro irmão se apressa a fazer o seu pedido: “Eu quero estar no Havaí, londe de escola dominical de reuniões de oração“ Puf! e ele se foi. “Agora você“ diz o profeta ao pastor. “Eu quero aqueles dois de volta na igreja logo depois do almoço! “Moral da História: Deixe sempre o seu pastor falar primeiro. - Missionário Ripari, 25.2.2008