Ilustrações Ilustrações C

Cair

 

Uma pessoa caindo do décimo andar de um prédio: - Aaaaaaaaaaaaaaaaai!!! TUM! Uma pessoa caindo do primeiro andar: - TUM! Aaaaaaaaaaaaaaaaai!!!

 

Paul Wylie estava a patinar nas Olimpíadas de Inverno em 1988 em Calgary. Ele estava nervoso quando iniciou o seu programa perante 20000 pessoas e uma audiência televisiva de milhões. Então, no seu primeiro salto, algo de errado aconteceu. Ele escreveu: “Num segundo a minha mão toca no gelo; a lâmina não se segura. Começo a escorregar e agora compreendo: estou a cair. Tudo o que eu ouço ao me estatelar no gelo é o suspiro empático do que parece um milhão de vozes.” Wylie tinha que decidir em menos do que um segundo: Ele podia focar no erro e desistir, ou ele podia continuar a patinar e fazer o seu melhor. Naquele instante esta passagem veio à sua mente: “Ainda que caia, não ficará prostrado” (Sl. 37:24). Ele continuou o seu número e decidiu patinar “de todo o coração, como ao Senhor” (Col. 3:23). No fim do seu programa a multidão irrompeu num aplauso entusiástico pela sua coragem e determinação. Como seguidores de Jesus, podemos ser atirados ao chão por um ataque mais forte. Pode morrer uma pessoa querida, ou podemos perder o emprego, ou podemos ser esquecidos para uma promoção. Podemos ser desanimados por uma queda no pecado. Uma coisa é cair; e outra completamente diferente será desistir. Se nos levantamos de novo, reafirmamos a nossa fé em Cristo, e continuamos a servi-lO, não ficaremos “prostrados.” - Fonte: www.gospelcom.net/rbc/pd/1999/Novembro99.htm 

 

Pr. Márcio Valadão disse em uma de suas mensagens que temos que ter cuidado com as pedrinhas no caminho, pois não tropeçamos em montanhas.... tropeçamos em pedrinhas...

 

Certa vez o pastor foi procurado por uma senhora idosa, com quase 80 anos de idade. Ela queria conversar com o pastor sobre um assunto pessoal, mas se sentia constrangida por ser o pastor ainda jovem, com os seus menos de 30 anos. Mas ela reuniu coragem e disse: "Pastor, eu estou muito preocupada com a atitude de um velhinho a que mora ao lado de minha casa e vive me fazendo propostas amorosas". E concluiu: "O meu medo maior é o de cair na lábia dele". Quanta sabedoria daquela anciã: "O meu medo maior é o de cair...". Se você não tem medo de cair, cuidado! Leia 1Co 10.12. - Revista Resitência, Editora Cultura Cristã.

 

Machado de Assis, escreveu isto: "É melhor cair em si do que cair do terceiro andar", num tempo em que os prédios mais altos só tinham três andares. 

 

O rabino Henry Isaac Sobel, foi preso em Palm Beach, Flórida, março de 2007, suspeito de roubar cinco gravatas, uma delas da famosa loja Louis Vuitton. Sobel foi é professor na sinagoga que fica na zona sul da cidade de São Paulo e é conhecida como Congregação Israelita Paulista. Sobel tem 63 anos, um salário mensal de 25 mil reais e estava se preparando para representar a fé israelita no encontro que teria com o Papa Bento XVI no mosteiro de São Bento (também no centro da cidade). Esse acontecimento me faz lembrar uma frase do querido pastor Ary Velloso: "O importante não é como começamos, mas como vamos terminar". 2/4/07
 
Os verdadeiros heróis não são os que nunca caíram, mas sim, os que caíram e tiveram coragem de se levantar e continuar no caminho. 16/4/07
 
Caiu? Tem uma expressão japonesa que aprendi a usar e que tem me ajudado muito sobre o que fazer. Desejo ensinar pra você. A expressão japonesa a que me refiro é a seguinte: Sakudo-o-pó. 9.1.2008
 

"Prossigo para o alvo, para o prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus" (Fp 3.14). Um jovem violinista apresentava seu primeiro recital. O audi-tório estava à cunha. Cada número era aplaudido freneticamente. A multidão delirava. O jovem músico agradeceu os aplausos, mas não deu de­monstração de sentir-se lisonjeado. Quase todo o tempo tinha os olhos fitos na galeria. Quando o som dos derradeiros acordes morreram, um ancião na galeria fez com a cabeça um sinal de aprovação. Imediatamente, o jovem mostrou-se satisfeito, e sua fisionomia iluminou-se de felicidade. Os aplausos da multidão pouco lhe importavam, enquanto não tivesse recebido a aprovação de seu mestre. Os olhos do cristão devem estar fitos em Cristo. Sua pureza, Sua santi­dade, Sua perfeição, unicamente, podem ser nosso alvo. Logo que algum ou­tro ser se torne nosso exemplo, nosso herói na fé, ficamos sujeitos à decep­ção. Conheci um homem a quem eu tinha em alta estima. Era homem, cuja simples aparência impunha respeito e admiração. Quem suporia que o malig­no tivesse semeado joio em seu coração? quando ele caiu - pois foi o que aconteceu - muitos ficaram enfraquecidos na fé. 11.2.2008

 

O homem passou da capacidade de não pecar para a incapacidade de não pecar. "Erguido do pó para viver, o homem pecador agora é condenado a voltar para o mesmo pó", como lembra Robert G. Clouse (Enciclopédia HistóricoTeológica da Igreja Cristã, voI. III Pag.21). 22.2.2008

 

Parece estranho, mas a negligência da alma é algo que freqüentemente ocorre com o homem maduro e não com o jovem. Foi em sua maturidade e não em sua juventude, que Noé foi vencido pelo vinho. Foi em sua maturidade, e não em sua juventude, que Davi contemplou a Bate-Seba com conseqüências trágicas. Foi em sua maturidade que Salomão multiplicou o número de suas esposas e manchou sua boa reputação, por tolerar as divindades de tais esposas. Foi em sua maturidade, e não em sua juventude, que Ezequias mostrou seus tesouros aos embaixadores estrangeiros. Estas coisas foram escritas para o nosso ensino. Existem armadilhas e ciladas para o crente velho, assim como existem para o crente novo. Talvez devido ao fato de imaginar que já passou da zona de perigo o crente velho acredita que pode aliviar sua vigilância. 17.3.2008

 

Uma vez tomado o primeiro passo para baixo, o seguinte fica mais fácil. 3.4.2008

 

Não olhe para onde você caiu, mas onde você escorregou. Provérbio Africano19.5.2009