O QUE TEMOS NA CEIA DO SENHOR

1 Coríntios 11.23-34

 

Introdução

Ao final desta palavra, teremos um momento solene e muito significativo: a Ceia do Senhor.

Por isto, quero pensar com você numa coisa: Por que, de quando em quando, é ministrada a Ceia do Senhor para a igreja?

Será que é pra variar a programação? Não! Então, qual é o motivo? Por que temos a solenidade da Ceia do Senhor? É sobre isso que quero pensar e o texto de 1 Co 11 é muito importante prá nós.

Irmãos, a Ceia do Senhor (e nada de nomes extra-bíblicos). Há quem chame de eucaristia, de Santa Ceia, de Comunhão ou algum outro nome, mas Ceia do Senhor é a designação correta.

 

A Ceia do Senhor é uma celebração que tem o propósito de nos levar a recordar, trazer à memória, trazer à lembrança, a morte de Jesus na cruz, por meio de Quem, somos reconciliados com Deus.

Então, é uma cerimônia para recordar a morte de Jesus. Mas não é uma solenidade fúnebre, uma hora melancólica e triste.

Há crentes que participam da Ceia do Senhor e mudam de semblante. N ahora da ceia, parece que foi anunciado um funeral, ou que o enterro de Cristo vai acontecer de novo.

Quando a Ceia do Senhor é celebrada pela igreja, alguns podem até se emocionar e chorar, mas eu te digo, deve ser por gratidão e não por tristeza... porque a Ceia do Senhor fala de algo muito maravilhoso: fala da prova do amor de Deus para conosco!

Jesus morreu na cruz para a salvação de cada pessoa. Pela morte de Jesus, somos salvos do castigo eterno. Na morte de Jesus, temos o perdão de Deus e ganhamos a vida eterna!

 

Então, a Ceia do Senhor é motivo de júbilo! A morte de Jesus trouxe vida! Portanto, é para ser celebrada com gratidão.

A Bíblia diz que mediante a morte de Jesus fomos foi justificados por Deus gratuitamente.

Saiu de graça pra nós, mas não para Deus, porque a nossa salvação custou o sangue do Filho, o sangue de Jesus. Este foi o preço pago.

O profeta Isaías havia anunciado: “o castigo que nos trouxe paz estava sobre ele, e pelas suas feridas fomos curados” (Is 53.4-5).

A nossa salvação custou o sangue de Jesus, custou a morte de Jesus – e a pior morte, porque foi morte de cruz.

Quem assistiu o filme A Paixão de Cristo, viu naquele filme uma tentativa de traduzir na tela do cinema o que deve ter sido a morte de Jesus.

O artista imaginou e representou. É até difícil de ver aquele filme, porque retrata o sofrimento que foi para Jesus a morte na cruz.

Mas, sabe, toda forma de morte é triste, até aquela que acontece naturalmente com o avançar da idade, quando a pessoa dorme e não acorda, é triste.

Mas, deixa eu te dizer: toda morte acaba sendo boa quando comparada à morte de cruz.

Aqui em Campos, você já ouviu falar da igreja de nome Boa Morte. Parece mal gosto, falta de criatividade em dar nome a uma igreja, mas pelo menos nos lembra de uma coisa: que toda morte é boa comparada à morte de Cristo na cruz. Aquela foi horrenda.

 

Então, a Ceia do Senhor, é uma celebração que nos ajuda a trazer à memória o preço que foi pago para a nossa salvação. Não foi barato.

Jesus mesmo estabeleceu a Ceia; foi Ele quem ordenou aos discípulos. Segurando um pão nas mãos, Jesus disse: “Isto é o meu corpo dado em favor de vocês; façam isto em memória de mim” (Lc 22.19-20) e depois, Jesus disse a mesma coisa, segurando um cálice com vinho.

Mas, somente aqueles que reconhecem que Jesus é o Salvador, é que devem participar desse ato solene.

A pessoa que não aceita a verdade de que Jesus é o Salvador, participar desse momento não fará sentido. Ela precisa discernirm precisa entender: é pecadora e condenada ao inferno, mas veio Jesus, e trouxe perdão de Deus.

Se a pessoa não reconhece o que Jesus fez por ela, então, não faz sentido comer o pão nem beber o vinho.

Mas, se você reconhece que Jesus é o enviado de Deus para ser o seu Salvador, e você aceitou, você recebeu Jesus como Salvador em seu coração e disso, deu até testemunho público ao ser batizado nas águas, então, participar desse ato comemorativo da igreja, que é a Ceia do Senhor, fará sentido para você!

O batismo é um testemunho que a pessoa dá. Quando a pessoa se apresenta para ser batizada, ela está dizendo: eu entendi que Jesus morreu na cruz por mim.

Há pessoas que levam a vida inteira pra reconhecer isso e é batizada já na velhice. Não é bom deixar pra ser bbatizado mais pra frente.

Eu gosto de lembrar um fato acontecido com um pastor amigo meu. Ele foi visitar um senhorzinho que já devia estar nos seus 80 e não sei quantos anos de idade. No final da visita, o pastor perguntou se ele gostaria de receber Jesus como Salvador. E o senhorzinho, ainda muito lúcido, ele disse: “mais frente”.

Eu tinha nove anos de idade quando fui batizado e o meu irmão, no mesmo dia, ele tinha 8 anos.

Como seminarista, eu trabalhei na Terceira Iigreja Batista de Campos-RJ. Eu estava perto, quando vi o pastor perguntar pra uma menina de 9 anos de idade que havia se apresentado para o batismo. O pastor perguntou: “Por que você quer ser batizada?” E a menina respondeu algo muito interessante, ela disse: “Por que só agora (9 anos de idade) é que eu soube que Jesus salva”. Discerniu, foi batizada, e começou a participar da ceia em sua igreja.

É assim que deve ser. Você já sabe que Jesus é o Salvador? E você já foi batizado em obediência a Jesus? Então, participar da Ceia faz sentido para você!

 

O que é que nós temos na Ceia do Senhor?

...nós temos:

1- UMA GLORIOSA MENSAGEM PARA PROCLAMAR.

Veja o que está escrito no v.23-26: “Pois recebi do Senhor o que também lhes entreguei: Que o Senhor Jesus, na noite em que foi traído, tomou o pão e, tendo dado graças, partiu-o e disse: “Isto é o meu corpo, que é dado em favor de vocês; façam isto em memória de mim”. Da mesma forma, depois da ceia ele tomou o cálice e disse: “Este cálice é a nova aliança no meu sangue; façam isso sempre que o beberem, em memória de mim”.

A Ceia do Senhor foi instituída para que a igreja pudesse recordar o sacrifício de Jesus.

E nessa recordação, no v.26 está escrito: “sempre que comerem deste pão e beberem deste cálice, vocês anunciam a morte do Senhor até que ele venha”.

Essa é a mensagem proclamada nesta hora: a morte de Jesus é anunciada mais uma vez e isso, até que Ele volte. Porque estamos falando de Jesus, o Filho de Deus, que morreu, mas ressuscitou, que está vivo e vai voltar!

Essa mensagem é anunciada hoje: Jesus vai voltar.

 

...segunda coisa que temos na Ceia do Senhor:

2- UMA SOLENE ADVERTÊNCIA PARA ACATAR.

No v.27 está escrito: “...todo aquele que comer o pão ou beber o cálice do Senhor indignamente será culpado de pecar contra o corpo e o sangue do Senhor”.

Como que uma pessoa participa da Ceia do Senhor indignamente? É quando participa sem discernimento, isto é, sem crer no sacrifício de Jesus por ela.

Ninguém deve participar da Ceia, a menos que reconheça que é pecadora e que Jesus é o Salvador.

 

...terceira coisa que temos na Ceia do Senhor:

3- UMA CLARA ORDEM PARA OBEDECER

Veja o que está escrito no v.28-29, confira: “Examine-se cada um a si mesmo, e então coma do pão e beba do cálice. Pois quem come e bebe sem discernir o corpo do Senhor, come e bebe para sua própria condenação”.

Antes de participar da Ceia, devemos fazer um exame de nós mesmos, que deve ser feito, olhando para quatro direções.

Primeiro, olha para o passado: Jesus sofreu tudo e morreu no seu lugar. Você já compreende isso? A cruz era para ser sua!

Segundo, olha para frente: Jesus vai voltar. Você está se preparando para Ele?

Terceiro, olha ao redor e vê os seus irmãos na fé: você acolhe a todos com amor? Trata com bondade? Perdoa a todos?

E quarto, olha para dentro de si mesmo: como está o seu coração? Você ama Jesus, vive louvando por tão grande salvação?

Veja que esse exame é um exame que cada um faz de si mesmo! A gente não examina a vida dos outros, é pra examinar a si mesmo.

 

...e, por fim, uma quarta coisa que nós temos na Ceia do Senhor:

4- UMA DOLOROSA REALIDADE PARA CONSTATAR

Lemos no restante do texto, v.29-34: “Pois quem come e bebe sem discernir o corpo do Senhor, come e bebe para sua própria condenação. Por isso há entre vocês muitos fracos e doentes, e vários já dormiram. Mas, se nós tivéssemos o cuidado de examinar a nós mesmos, não receberíamos juízo. Quando, porém, somos julgados pelo Senhor, estamos sendo disciplinados para que não sejamos condenados com o mundo. Portanto, meus irmãos, quando vocês se reunirem para comer, esperem uns pelos outros. Se alguém estiver com fome, coma em casa, para que, quando vocês se reunirem, isso não resulte em condenação. Quanto ao mais, quando eu for lhes darei instruções”.

A participação desatenta e descuidada da Ceia do Senhor, produz resultados desastrosos. É preciso zelo.

 

Conclusão

Na Ceia do Senhor, nós temos:

Uma gloriosa mensagem para proclamar: Jesus morreu para nossa salvação.

Uma solene advertência para acatar: não participemos da ceia indignamente.

Uma clara ordem para obedecer: examine-se cada um a si mesmo e participe da ceia.

E uma dolorosa realidade para constatar: falta de zelo, traz disciplina.

Se você discerne que Jesus morreu na cruz por você, participe com profunda gratidão dessa hora.

Hoje a ceia é aqui. Depois da volta de Jesus, vai ser lá no céu, na casa do Pai, com Jesus, os anjos e todos os salvos juntos. Oh Glória!

 

Pr Walter Pacheco da Silveira, 24.11.2019