ATRAPALHAR

  • Não fechemos as janelas. Afinal, é por elas que entra a luz do sol.

 

  • Satanás irá tentar estragar aquilo que ele não puder impedir.

 

  • Em um largo rio, de difícil travessia, havia um barqueiro que atravessava as pessoas de um lado para o outro. Em uma das viagens, iam um advogado e uma professora. Como quem gosta de falar muito, o advogado pergunta ao barqueiro: - Companheiro, você entende de leis? - Não. - Responde o barqueiro. E o advogado compadecido: - É pena, você perdeu metade da vida! A professora muito social entra na conversa: - Seu barqueiro, você sabe ler e escrever? - Também não. - Responde o remador. - Que pena! - Condói-se a mestra - Você perdeu metade da vida! Nisso chega uma onda bastante forte e vira o barco. O canoeiro preocupado pergunta: - Vocês sabem nadar? - Não! - Responderam eles rapidamente. - Então é pena - Conclui o barqueiro - Vocês perderam toda a vida!

 

  • "Quando você se encontra em um buraco... então pare de cavar." (U.S.Grant)

 

  • Um jaburu estava caçando caramujos à beira de um lago quando viu uma belíssima ave descer das alturas. “Quem é você?”, perguntou o jaburu. “Sou um cisne”, respondeu a ave. “E de onde você está vindo?” “Estou vindo do céu”, disse o cisne. “E como é o céu?” perguntou o jaburu. Aí, o cisne fez uma majestosa descrição do céu com suas ruas de ouro e os seus rios de cristal. O jaburu ouviu e depois indagou: “E lá existem caramujos?” “Não”, replicou o cisne. “Então não me interessa”, disse o jaburu. “O de que eu gosto mesmo é dos caramujos.” Essa fábula é de fácil aplicação. Gente que só se preocupa coisas mundanas, com os caramujos do mundo, não encontrará tais coisas no céu.

 

  • Um conselho que encontrei numa revista semanal, na parte de dicas, diz assim: "Nunca vá ao supermercado antes de comer. A fome faz você exagerar na compra, além de dar preferência aos alimentos ricos em carboidratos e gorduras". (Revista Tudo, pg 51 - 3 de maio de 2002).

 

  • Um sujeito bate à porta de uma distinta senhora. - Bom dia, a senhora tem filhos? - Não senhor. - Tem cachorro ou gato? - Não senhor. - Tem rádio ou auto-falante potente? - Também não. - Toca algum instrumento? - Não... Mas será que eu posso saber por que tantas perguntas? O senhor é fiscal? Trabalha no CENSO de ridículo? - Não, minha senhora. É que eu estou interessado em comprar a casa ao lado! 9.12.2008

 

  • Essa frase faz um grande sentido para mim: Deus nunca vai te deixar no prejuízo. 25.04.2019