ATLETA

  • É que nem atleta: Tem que faturar alto porque aos 30 anos de idade, imaginem que angústia! Começa a perder seu prazo de validade profissional.

 

  • Há uma lenda que conta sobre uma famosa corredora grega que sempre se sagrava vencedora, especialmente nas corridas regionais. Era impressionante ver-se a agilidade da jovem nos esportes porque a sua destreza superava à de todos os demais atletas que competiam. Isso vinha trazendo aborrecimentos sérios para vários competidores. Certo dia, um deles planejou um expediente para derrotar sua rival na corrida, que aconteceria nos jogos olímpicos daquele ano. Seria um investimento de alto custo, mas, com a derrota da sua mais forte adversária, ele seria compensado com os prêmios valiosos que receberia. Chegado o dia da corrida, ele levou para o estádio várias esferas de ouro puro. Quando foi dado o sinal de partida, ele empenhou-se de tal forma até passar à frente da rival que de início sempre poupava as suas forças. Uma vez à sua frente, enquanto corria, o atleta deixava cair de vez em quando uma das preciosas esferas de ouro. Fascinada pelo brilho intenso do metal e ambicionando tê-lo em suas mãos, a jovem corredora abaixava-se a todo momento para apanhar as esferas. Enquanto isto, os companheiros que ela havia deixado para trás aproximavam-se e o dono do projeto já ia muito longe. Quando a competidora percebeu o seu atraso, especialmente em relação ao da frente, já era tarde demais. Reuniu todas as forças em reserva e conseguiu distanciar-se dos que vinham na sua retaguarda, contudo não pôde alcançar aquele que passou à sua frente. Perdeu o prêmio porque tirou os olhos do alvo para se deter, recolhendo as argolinhas de ouro. Cristo representa para nós o alvo máximo a ser atingido. Somos os atletas, que neste mundo correm perseguindo este alvo supremo. Isto, entretanto, demanda esforço, luta, sofrimento, preparo, confiança e otimismo. É fundamental e necessário esquecer as coisas que deixamos para trás, avançando com os olhos fitos "naquele que nos fortalece "; até possuí-lo em toda a sua plenitude.

 

  • Uma revista francesa publicou há pouco tempo uma lista dos dez esportistas que mais faturam no mundo hoje. Entre os dez, quatro são lutadores de boxe. Armando Nogueira, que é quem nos dá a informação, pergunta: "Não te parece estranho, caro leitor, que o esporte mais cotado seja precisamente aquele cuja meta é a ruína física do semelhante?" - JB 19.03.2000. (João Soares da Fonseca - Revista Compromisso/3º Trim-2001).

 

  • Uma hora de caminhada em ritmo médio gasta 220 calorias.

 

  • Franz Beckenbauer foi o maior jogador da história do futebol alemão, o melhor líbero de todos os tempos. Campeão mundial em 1974, como jogador; campeão mundial em 1990, como técnico. Vi Beckenbauer muitas vezes pela TV. Certa ocasião, o famoso jogador estava dando uma entrevista coletiva. A imprensa internacional fez a ele uma pergunta curiosa: Como vencer as seleções de futebol sul-americanas, principalmente o Brasil? [naquela época o Brasil tinha Seleção que jogava!]. Beckenbauer respondeu falando de tática, de estratégia e finalizou: "correr, correr, correr e correr". Os que estiverem lembrados, sabem que a Seleção Alemã corria com elegância, e que correr era uma das grandes armas do time. Correr é necessário. O mundo perdido espera uma mensagem com urgência!

 

  • Um sujeito foi ao médico, que o advertiu dizendo que ele tinha que manter a forma. E o paciente disse: "Já estou mantendo a forma, doutor, a de barril"!!

 

  • Saiu algum tempo atrás publicado na revista Seleções um artigo para ajudar na saúde do corpo. Um entendido no assunto, ponderou que beber de 6 a 8 copos de água por dia, faz bem à pele... E pensar que Jesus declarou dEle mesmo: “Eu sou a água da vida!” Já imaginou a cor da sua pele ao beber dessa Água?

 

  • Ponerse en forma física puede ser arriesgado. Según un informe, los dos métodos más peligrosos que usan los estadounidenses de mediana edad para mantenerse en buena forma física son montar bicicleta y jugar baloncesto. En un año, 201.000 personas se hicieron daño con sus bicicletas y otras 164.000 tuvieron que salir de la cancha de juego de baloncesto por haber sufrido alguna lesión. ¿Por qué la gente se arriesga a hacerse daño para permanecer o ponerse en forma? Porque ven algunos beneficios en ello, como sentirse mejor, mantener el cuerpo que desean o vivir más tiempo. Están dispuestos a soportar el gran esfuerzo que puede requerir conseguir que el corazón bombee y que los músculos débiles trabajen. La Biblia dice que el ejercicio corporal aprovecha un poco, pero también dice que nuestra mayor responsabilidad es ejercitarnos espiritualmente (1 Timoteo 4:8). (Fonte: Pastor Osvaldo Carnivalosvaldocarnival@sion.com).

 

  • Um rapaz fazia exercícios extremamente penosos para crescer um pouco mais. Inutilmente, porque já diz o Evangelho que ninguém pode acrescentar um côvado à sua estatura. Mas, espiritualmente, as pessoas podem crescer!

 

  • O Brasil não ganhou todas, mas foi o único país a participar de todas as 16 Copas disputadas até hoje.

 

  • Quando Theodore Roosevelt tinha 12 anos o pai disse a ele: "Filho, você tem inteligência, mas não tem vigor físico, e sem a ajuda do corpo a mente não pode ir tão longe quanto deveria. Você precisa fazer o corpo". Theodore Roosevelt passou a reservar algum tempo todo o dia para desenvolver o corpo e também a mente, e continuou assim até a morte. Superou as limitações pessoais e se tornou um dos presidentes dos Estados Unidos.

 

  • Os jogadores ganham muito dinheiro, são famosos e há torcedores aplaudindo no mundo inteiro! E você acha que com o crente é diferente? Não, todo cristão é um atleta que tem Jesus como Comandante, os anjos são os torcedores e os adversários já foram derrotados. Sua recompensa é a coroa da vida. Quer coisa melhor?

 

  • GINÁSTICA PARA RELAXAMENTO DOS NERVOS: Entregue ao Senhor todas as suas cargas, preocupações e tristezas (Sl 37:4-8), GINÁSTICA PARA a CABEÇA: Inclinada para Adoração (Gn 24:26), GINÁSTICA PARA A MENTE: Exercite com idéias construtivas (Fp 2:3,Pv 3:29), GINÁSTICA RESPIRATÓRIA: Respire a atmosfera da paz, amor e felicidade (Col 3:14-15,Hb 12:2-14), Ginástica Auditiva: Escutar a Voz de Deus (Jo 8:47, I Jo 3:11), Ginástica para o coração: Irradia sentimento de amor (Rm 2:9), Ginástica para a língua: Fale palavras edificantes e criativas (Mt 5:37), Ginástica Facial: Sorrir, sorria sempre ( I Tes 5:16, Sl 126:5), Ginástica Para as mãos: Uná-as diariamente para Oração (I Tm 2:8, Pv 31:20), Ginástica para os joelhos: Para se tornarem flexiveís,dobre-os em oração (Fp 2:10), Ginástica para as pernas: Ande humildemente pelos caminhos do Senhor (Mq 6:8, Is 48:17), Ginásticas para os pés: Firmados por Deus ( Sl 121:3, Lc 2:79). – Orkut Pr Reinaldo. 11/1/07

 

  • Pesca submarina não sei se é tão prazeiroso quanto dizem os mergulhadores. Afinal, é lá nas profundezas do mar, diz a Bíblia, que Deus lança os pecados confessados pelo homem. 08-01-2008

 

  • Levante as mãos em adoração. Se você não levanta a mão, não levanta os braços, eu li na revista Seleções Readers Digest Agosto/2005, você fica parecendo até seis quilos mais gordo! 09-01-2008

 

  • Conheço dois homens que eram excelentes atletas quando adolescentes. Ambos tinham potencial para atingir o nível de esporte profissional. Um deles buscou diligentemente aperfeiçoar seus pontos fortes, trabalhando arduamente para sobrepujar suas fraquezas. Finalmente ele atingiu o nível máximo dentro de seu esporte e tornou-se uma estrela por mais de uma década. O outro, que tinha a mesma idade e havia crescido na mesma cidade, simplesmente ficou à espera que a oportunidade lhe fosse oferecida. Quando cometia erros, apresentava desculpas em vez de reconhecer suas falhas e trabalhar para vencer as deficiências de sua performance atlética. Ao invés de se tornar uma estrela, escolheu se deixar dominar pela preguiça. O mais perto que ele conseguiu chegar do esporte profissional foi comprar entrada para assistir a uma partida. 29.1.2008

 

  • Em época de Copa do Mundo, pessoas evangélicas além de faltarem nos cultos se influenciam e muito. Após o culto, o irmão na cantina da igreja estava tentando tirar a tampa da garrafa de refrigerante e não conseguia. -" Que dificuldade! " Um diácono tentando ajudá-lo explicou: -" Você tem que torcer ". E o irmão, batendo palmas: -"Tam-pi-nha!!! Tam-pi-nha!!!" - Missionário Ripari 25.2.2008

 

  • Faça isso todos os dias! 1º Ao se levantar diga,JESUS EU TE AMO. 2º Ao sair de casa diga, JESUS VEM COMIGO. 3º Quando sentir vontade de chorar, diga, JESUS ME ABRAÇA. 4º Quando se sentir feliz, diga, JESUS EU TE ADORO. 5º Quando for fazer alguma coisa, diga, JESUS ME AJUDA. 6º Tudo o que fizer, faça, EM NOME DE JESUS. 7º Quando se sentir derrotado, diga, JESUS JÁ VENCEU. 8º Quando errar, diga, JESUS ME PERDOA. 9º Quando se deitar, diga, JESUS OBRIGADO. 11.3.2008

 

  • Certa ocasião um corredor de rua treinava para correr a São Silvestre, a corrida tradicional de fim de ano, assistida por milhões de brasileiros. Ele se preparava com dedicação e afinco a fim de competir com outros atletas. Entretanto, no percurso do seu treino, ele fora abordado por um estranho a experimentar “algo” que o ajudaria a ser mais veloz e mais resistente. O jovem com categoria disse: Não! Justificou-se que todo o esforço é necessário, todo suor e dispensa-se qualquer facilidade que a vida possa ensejar. O intento do homem ao perceber que foi um insucesso, e  o jovem gostaria de chegar a sua maturidade física através da malhação e efetivos derramamentos de suores, fê-lo; silenciosamente, recuar de sua intenção de oferecer métodos transitórios. Como estão os nossos olímpicos se preparando? Com dedicação, amor, trabalho árduo e perseverança. Vez por outra, aparece um caso aqui, outro acolá. Quando se descobre um, todo o desgaste da equipe fica por água abaixo. Sem contar que o seu país ficará envergonhado por ter enviado um atleta com intenções desleais aos propósitos desportivos. Quantos não quebraram a cara ? Será que dói. Claro. Depois se confrontaram com situações difíceis e retornaram cabisbaixo por concorrerem ilegitimamente. Saiba dizer sim, aos objetivos claros, motivos relevantes, a uma boa causa. 18.8.2008

 

  • Depois que um time de beisebol da Georgia derrotou um time do Japão, um repórter escreveu: "Os meninos... deixaram uma impressão duradoura de seu caráter interior para ser visto pelo mundo. Eles provaram, novamente, que o que conta não é ganhar ou perder, mas como você joga o jogo". Quando os jogadores que perderam caíram em prantos, os membros do time vencedor pararam seus festejos de vitória e foram consolá-los. Um deles disse: "Eu simplesmente não suportei vê-los chorar e só queria que soubessem que me importava com eles". Alguns se referiram a esse momento como o " melhor do espírito esportivo". Foi de fato emocionante, mas isso destaca que os esportes - mesmo nos melhores momentos - são uma metáfora imperfeita para o Cristianismo. Nos esportes, alguém sempre perde. Mas quando alguém é ganho para Cristo, o único perdedor é Satanás. 26.8.2008

 

  • Era final de semana e o casal estava tomando o café da manhã. A esposa diz ao marido: "Não pense que você vai sair correndo novamente para o futebol e me deixar ir à igreja sozinha". "Não pense tal coisa", disse o marido, "jogar futebol é a última coisa em que pensaria agora! Por favor, poderia me passar a bola -- quer dizer, a torrada?" Aquele marido só pensava em seu futebol, ignorando por completo a sua esposa e a ida à igreja para louvar a Deus. Seria diferente conosco? Temos dado prioridade às coisas espirituais como fonte de bênçãos para todas as nossas atividades? Muitas vezes queremos as bênçãos do Senhor, viver abundantemente, realizar sonhos e ter uma vida vitoriosa. Esforçamo-nos para que tudo isso seja real em cada um de nossos dias, mas só lembramos de Deus quando as coisas vão de mal a pior. Quando perdemos o emprego, quando somos atingidos por uma enfermidade, quando a solidão nos deprime, quando as crises se hospedam em nossa casa, corremos para a igreja para orar e pedir que Cristo estenda Suas mão sobre nós e mude a situação. Mais prudentes seríamos se seguíssemos o ensino da Palavra de Deus que nos dirige a buscar o Senhor em primeiro lugar. Tudo seria mais fácil e as aflições e desespero seriam evitados. Com Jesus no barco de nossas vidas, mesmo diante de tempestades podemos dormir e descansar tranquilos. E mais importante do que toda a felicidade neste mundo, com Cristo no coração podemos viver convictos de que nossos nomes estão escritos no Livro do Céu e que ao final de nossa jornada seguiremos para a morada celeste que Ele preparou para passarmos a eternidade. Você pode praticar todos os esportes saudáveis deste mundo, mas não troque o Senhor por eles. 9.12.2008

 

  • Após uma complicada cirurgia nas costas para tratar de uma estenose na coluna, precisei usar um colete por vários meses. Depois, como parte do meu regime de recuperação, precisei fazer fisioterapia, um programa de exercícios especialmente concebido para mim. Disseram-me que, para que os exercícios fossem eficazes, teria de fazê-los todos os dias. Eles iriam fortalecer e aquecer meu corpo, manter-me flexível e ajudariam a me curar. Com o tempo, passei a usá-los como alongamentos antes de caminhar, nadar e levantar pesos na academia, pois eles preparavam-me para essas atividades mais puxadas. Da mesma maneira, os cristãos precisam de "alongamentos espirituais" todos os dias para continuarem a crescer na fé. Isso inclui oração, estudo bíblico, meditação sobre seus ensinamentos e buscar formas de atender as necessidades das outras pessoas, o que nos permite lidar com as exigências da vida e nos prepara para enfrentar os desafios de cada dia de uma maneira cristã. Estou convencida de que esses alongamentos espirituais nos aproximam da meta descrita por Paulo em 1 Timóteo 2.2: "Para que vivamos vida tranqüila e mansa, com toda a piedade e respeito." 12.12.2008

 

  • Para conquistar a vitória Marilson dos Santos teve que correr bastante. Temos bater palmas para ele, pois, ele merece! Posso dizer com base experimental, o que é correr uma Maratona. Correr os 100 metros é uma corrida rápida e veloz, entretanto, correr uma corrida longa de um percurso de 42.195m exige do corredor muito preparo físico. O corredor precisa muito treino, orientação técnica, uma boa alimentação, principalmente aquelas de baixa caloria, para que fique mais leve, e possa desenvolver com mais ligeireza o percurso. Recordo-me quando corri a primeira maratona, chamada de “Maratona do Fogo”, um percurso entre Fátima do Sul a Dourados, foi um verdadeiro desafio, consegui nos trancos e barrancos. Diga-se de passagem que foi a minha melhor colocação dentre 300 competidores,  um 23º lugar. O Atleta durante o percurso começa a sentir dores no estômago, pernas, pés, cabeça, braços etc. Então, ele precisa administrar todas aquelas dores, o sol, o cansaço,  a sede, a vontade de parar, porém, as virtudes do corredor superam todas as fases. Há corredores que não agüentam, outros sofrem, por um instante deve parar; até por questão de saúde. A vida do cristão pode-se também comparar a de um atleta, ele precisa está correndo de tal maneira que ele corra, não por medalha que é corruptível, que o tempo apaga. Mas, por uma coroa incorruptível de modo que o Senhor dos senhores lhe galardoará. O viver uma vida que agrada a Deus exige muita renúncia do cristão, norteia-se por uma vida de dedicação ao Reino, de virtudes pelos quais os olhos humanos não são perceptíveis. Amigo procure correr uma corrida ilesa, imparcial, sem manchas de tal modo que a sua trajetória seja abençoada pelo Senhor Jesus, e que não tenhas nada a envergonhar o Reino de Deus.  Portanto, caminhe olhando para o alvo e para o prêmio da soberana vocação em Cristo Jesus. Élcio Cunha21.5.2009

 

  • Os jogos olímpicos do Império Britânico estavam sendo disputados em Auckland, Nova Zelândia, há alguns anos. O vencedor da maratona de vinte e cinco milhas, que estava sendo disputada sob pesada chuva, sacudiu fora suas sandálias de atleta e terminou a corrida de pés descalços, "desembaraçando-se assim de todo o peso". Há muitos pesos a serem postos de lado para que um contendor vença uma corrida. Ele despoja-se de todas as peças do vestuário dispensáveis, faz uma dieta para eliminar o excesso de peso e para enrijecer os músculos e tendões, e ainda segue um curso de treinamento para desenvolver a coordenação motora. Que exemplo para nós, cristãos! Se você quer vencer na vida, tem de se submeter a um processo de autodisciplina. E necessário atar os liames da mente, desembaraçar-se de todo o peso do pecado, recusar entregar-se a indulgências supérfluas. Os que são fiéis treinam para seguir e servir a Cristo. "Corramos com perseverança, a carreira que nos está proposta" (Hb 12.1).21.5.2009

 

  • A Revista Seleções de Julho 2007 reportou que há atividades do dia-a-dia que contam como exercício e queimam calorias! Caminhada de 10 minutos, cinco vezes por semana, totaliza 170 calorias queimadas na semana. Usar a escada em vez do elevador, 5 minutos, 5 vezes por semana, queima 225 calorias na semana. Tarefas de casa como varrer, lavar, 2 horas por semana, queima 408 calorias!30.9.2009

 

  • Lá se vai Ronaldo, o Fenômeno do futebol brasileiro. Lá se vai pouco depois de uma derrota do seu time. Lá se vai porque não dá mais espetáculo. A sociedade é implacavelmente furiosa contra quem não lhe dá os resultados esperados. Lá se vai Ronaldo, o nosso artilheiro das Copas, porque agora a imaginação do seu drible não desce mais até suas pernas. A mente pode querer, mas o corpo não deseja. E no esporte, o corpo é soberano. Lá se vai Ronaldo, esse que sabe como são efêmeras as glórias. Quem aplaude é quem vaia. Quem chama é quem despede. O resto é ilusão. La se vai Ronaldo, certo que, não podendo fazer o que sempre fez, pode fazer o que ainda não fez. Como Ronaldo, quantas vezes somos expulsos do circo, porque não domamos mais um leão por dia. Como Ronaldo, precisamos saber que há tempo de plantar e tempo de arrancar o que se plantou, tempo de dançar e tempo de chorar, tempo de abraçar e tempo de se conter. Só permanece para sempre o que Deus faz. (Bíblia -- Eclesiastes 3) Como Ronaldo, precisamos saber que nossa vida não acaba quando acaba aquilo que sabemos fazer. Podemos começar de novo, quando a bola fica para trás.  Se precisamos começar de novo, devemos começar de novo. Alcançamos alguns alvos, mas outros ainda são possíveis. Israel Belo de Azevedo 21/2/2011

 

  • Por ocasião da abertura dos Jogos Olímpicos de Pequim (China), meus pensamentos se voltam para um ex-campeão, imortalizado pela sua surpreendente vitória da medalha de ouro nos 400 metros durante os jogos de 1924, em Paris. Um ano depois de seu triunfo, Eric Liddell foi para a China, onde passou os últimos 20 anos de sua vida como professor missionário e pastor rural. Foi ali que ele correu a maior corrida de sua vida, contra oponentes que todos nós conhecemos – circunstâncias difíceis, guerra, incerteza e doenças. Confinado a um campo de prisioneiros japonês, junto com mais 1500 outras pessoas, Eric vivenciou as palavras que havia parafraseado de 1 Coríntios 13:6-8: "O amor nunca está contente quando outros erram. O amor não tem prazer na injustiça, mas se alegra na verdade. O amor sempre é lento em expor alguém, sabe como silenciar. O amor sempre está ávido em crer de esperança, cheio de  perseverança paciente; o amor nunca falha". Eric servia os outros no campo, fosse carregando água para os idosos ou como juiz nos jogos dos adolescentes. Quando ele morreu de um tumor no cérebro, em fevereiro de 1945, um prisioneiro de guerra descreveu-o como um homem "que viveu melhor do que pregava". (Um testemunho gigantesco). Na corrida mais difícil da vida, Eric cruzou a linha de chegada, vitorioso através do amor. E sem dúvidas recebeu a sua coroa de glória. Pensamento: O amor capacita-nos a caminhar sem medo, a correr com confiança e a viver vitoriosamente. 28/4/2011

 

  • O atleta é movido pela linha de chegada. 20/9/2011

 

  • A principal personagem do filme "Carruagens de Fogo" caiu na sua mais importante corrida. Ele estava machucado e desanimado, mas levantou-se e continuou a correr, não só concluindo a corrida, mas também ganhando-a. Mesmo quando tropeçamos, mesmo quando caímos, ainda podemos nos levantar e correr. Você ainda pode ganhar a corrida, pois ela ainda não acabou. Só acabará quando soar o sinal de término. Alguns de nós podem ter tropeçado. É normal cairmos na corrida da vida. Ou, talvez, tenhamos sido desencorajados; ou, ainda tenha nos acontecido algo muito sério que nos fez desistir. Mas, lembre-se: nunca é tarde demais para se levantar e começar a correr novamente. 19/07/2013

 

  • Elogio ao corredor que se negou a vencer o líder, que parou por engano! O atleta espanhol Ivan Fernández Anaya, de 24 anos, não venceu a prova de 'cross country' de Burlada, Navarra, no último dia 2/7/13, mas até hoje não para de ser cumprimentado, elogiado, aclamado pela sua atitude de honestidade durante o evento. O atleta queniano, Abel Mutai, medalha de ouro nos 3.000 m com obstáculos em Londres, estava prestes a ganhar a corrida. Mas parou no local errado, pensando ter alcançado a linha de chegada. Ivan Fernández Anaya, na segunda posição, aproximou-se e, em vez de o ultrapassar, alertou-o para o equívoco e conduziu-o para confirmar sua vitória. Noutras palavras Ivan negou-se a conquistar a prova. Ele estava a 10 metros da linha de chegada e não quis aproveitar a oportunidade para acelerar e vencer. Gesticulando, para que o queniano compreendesse a situação e quase empurrando-o levou-o até o fim, Ivan Fernandez deixou o colega vencer a prova como iria acontecer se ele não se tivesse enganado sobre o percurso. Ivan, que é considerado um atleta de muito futuro (campeão da Espanha nos 5.000 metros, na categoria há dois anos) ao terminar a prova, disse: "Ainda que me tivessem dito que ganharia uma vaga na Seleção Espanhola para disputar o Campeonato da Europa, eu não me teria aproveitado da situação. Acho que é melhor o que eu fiz do que se tivesse vencido nessas circunstâncias. E isso é muito importante, porque hoje em dia, tal como estão as coisas na sociedade, no futebol, na política, onde parece que vale tudo, um gesto de honestidade fica muito bem." Muitos dias depois do ocorrido, a história continua a ser exaltada nos noticiários e nas redes sociais. No passado Sábado, no seu blog, Fernández comentou a repercussão de sua atitude, que continua a ser elogiada duas semanas depois. "Hoje está a ser um dia especial para mim - ou melhor, muito especial -  não podia imaginar que o meu gesto com Mutai chegaria aonde chegou. Estou numa autêntica nuvem, são muitos os comentários, entrevistas, reportagens sobre o sucedido. Quero agradecer a todos o que fizeram por mim", escreveu. O que chamou a atenção de todos foi algo que deveria ser básico no ser humano, mas tem sido a exceção: a Honestidade. 4/12/2013