AGENDA

  • Alguém me sugeriu isto para verificar os compromissos da agenda e ocupações pessoais: Primeiro, perguntar: Que posso deixar de fazer sem alertar os gansos, sem que os outros percebam? Segundo: Que eu posso delegar? Terceiro: O que só eu posso fazer? - Esta avaliação da agenda deve ser feita de três em três meses, depois de seis em seis e depois anualmente.

 

  • Nenhum dia é completo sem adoração. 9.2.2010

 

  • Rezam os bastidores de Washington, no governo de Barack Obama, que o presidente é capaz de suspender uma reunião ministerial de alta temperatura para assistir ao recital de violino de sua filha de 11 anos. Segundo assessores, os compromissos familiares são assinalados em vermelho e independentemente do que tiver acontecendo ele para tudo e vai a esses compromissos. Claro: não faltam críticas: afinal: as pessoas não o elegeram para ser um bom homem de família, mas para resolver os problemas do país. No entanto, para os braços de quem irá, quando os problemas forem resolvidos (se forem...) e quando a luz do poder se apagar, senão para os de sua família? O trabalho pode esperar. O poder pode esperar. A família não pode esperar. 2.3.2010

 

  • Crianças fazem uma coisa de cada vez. Quando ri, ri, quando chora, chora, quando louva, louva. Já viu uma criança quando chora no colo da mãe? Chorou, a mamãe procura distrair a criança e diz "Olha o passarinho!". Então a criança pára de chorar. Cansou de ver o passarinho, volta a chorar. É uma coisa de cada vez. Perdemos isto! 26/1/2014